Para pensar:

"Esta vida é uma estranha hospedaria,
De onde se parte quase sempre às tontas,
Pois nunca as nossas malas estão prontas,
E a nossa conta nunca está em dia."

Mario Quintana

terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Cartões de Boas Festas

Free Images.
Encerrando a temporada de cartões de Boas Festas, Martin Pereza Cambet, da Casarena Bodegas y Viñedos, manda boas vibrações, juntamente com Nádia Bernardelli e equipe da Lance Comunicação, Mariana Carolina, Laselva e a jornalista Ivone Moreira, da ImPauta Comunicação. A todos meu redobrado carinho e igualmente desejos de um 2015 pelo menos menos confuso.

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

Rogério Nogueira é diplomado para o quarto mandato

À esquerda, o deputado durante sua diplomação, com um dos membros do
TRE-SP.
O deputado estadual Rogério Nogueira foi diplomado na noite do dia 19 para seu quarto mandato consecutivo na Assembleia Legislativa de São Paulo. O evento aconteceu na Sala São Paulo com a presença dos 94 eleitos, familiares, convidados e do governador Geraldo Alckmin.
Rogério Nogueira foi eleito com 132.571 votos, recorde de votação em sua história política. Foi o segundo deputado estadual mais votado da Região Metropolitana de Campinas (RMC), o terceiro mais votado do seu partido, o Democratas e o 21º mais votado do Estado. Também foi mais votado em Indaiatuba, com mais de 50% dos votos válidos e outras cidades da região.
Em seus três mandatos, o deputado apresentou mais de 9.000 ofícios, mais de 7.000 indicações, mais de 120 projetos de lei e realizou mais de 900 reuniões. “Estou muito feliz com mais essa vitória, principalmente por que ela significa a confiança da população em minha dedicação. Aliás, nosso trabalho não para e vou retribuir cada voto com um empenho ainda maior”, comentou.
A primeira eleição de Rogério Nogueira ao Legislativo Estadual aconteceu em 2002, quando obteve 59.097 votos. Em 2006, foram 117.298 votos e, em 2010, 86.985 votos.

Polo Shopping presenteou mais de mil pessoas com a campanha “Todo Mundo é Noel”

Franklin Pedroso, coordenador de marketing do Polo Shopping, e Maria
de Lurdes Nogueira Stochi
, presidente da ONG Nosso Lar, se juntaram às
crianças e ao Papai Noel para a entrega dos presentes.
Foto: divulgação.
Pelo terceiro ano, a campanha Todo Mundo é Noel presenteou crianças, adolescentes e adultos de 11 instituições sociais. A ação, idealizada e promovida pelo Polo Shopping Indaiatuba, contou com a solidariedade da população, que adotou as cartinhas disponíveis nas árvores de Natal espalhadas pelo shopping. Ao todo, 1.152 pessoas foram contempladas este ano.
Para fazer a entrega simbólica dos presentes doados pelos clientes, o Papai Noel do Polo Shopping Indaiatuba visitou a ONG Nosso Lar no dia 23 de dezembro. As crianças presentes foram surpreendidas e receberam o Papai Noel com muito carinho.
A campanha só foi possível graças à generosidade dos clientes do Polo Shopping Indaiatuba e algumas empresas parceiras como DM Consultoria, Plug Informática, PG Comunicação e Generoso Comunicação. “Gostaríamos de agradecer Indaiatuba e região pelo carinho e atenção na escolha da cartinha e na compra do presente. O maior resultado dessa ação é integrar socialmente e valorizar as crianças, adolescentes e adultos atendidos por essas instituições”, comenta a Gerente de Marketing do shopping, Andrea Fernandes.
As instituições que participam da campanha em 2014 foram:
1.       ABID (Associação Beneficente) - Atende crianças e adolescentes em situação de risco psicossocial ou vulnerabilidade social.
2.       APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) – Presta serviços de assistência social à pessoa portadora de deficiência.
3.       Bolha de Sabão – Organização assistencial que atende crianças em situação de risco ou vulnerabilidade social, oferecendo atividades culturais.
4.       Centro de Referencia em Atendimento à Pessoa com Deficiência - Espaço de convivência e capacitação profissional da pessoa com deficiência em idade acima de 15 anos.
5.       Ciaspe (Centro de Inclusão e Assistência às Pessoas com Necessidades Especiais) – Atende pessoas com deficiência intelectual, promovendo ações de inclusão.
6.       Civai (Colégio de Integração e Vivência do Autista de Indaiatuba) - Atende crianças, adolescentes e adultos com Transtorno do Espectro Autista (Autismo).
7.       Educando para a Vida - Projeto social que tem como objetivo garantir uma formação cidadã para crianças e jovens de 6 a 17 anos.
8.       Manaem - Organização assistencial que atende crianças e adolescentes em situação de risco ou vulnerabilidade social, oferecendo atividades sócio-educativas.
9.   Naseja (Núcleo de Assistência Social e Educacional de Jovens e Adultos) - Atende adolescentes, jovens e adultos com deficiência física, mental, auditiva, visual ou múltiplas.
10.   Nosso Lar “Benedita Rangel Nogueira” – Realiza trabalhos sócio educativos, no contraturno escolar, para crianças de 6 a 11.
11.   Paasi (Polo de Assistência e Apoio Socioeducativo Infantil) - Atende crianças de 6 a 11 anos em situação de risco social ou vulnerabilidade social.

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Confraternização Congesa

O engenheiro Marcelo Rabelo e sua família na festa do branco da Congesa.

O casal anfitrião Athos Mazzoni Júnior e Adriana 
Mazzoni.

As festas de encerramento do ano da Congesa já são tradicionais e sempre 
temáticas. Esse ano, o branco foi a cor escolhida pelo seu significado simbólico.

Ala feminina da Congesa caprichou no visual todo branco para atrair as boas 
energias.

Viviane ChagasCelia Regina Rodrigues e Rosangela Codognotto.

Natalia Joly de Melo Martins, Aline Wulk, Erika TavaresNayara 
Joly de Melo.

XI Feverestival divulga espetáculos selecionados através de edital

Foto: Edgar Machado.
Com 245 propostas artísticas de várias cidades brasileiras e do exterior, o XI Feverestival (Festival Internacional de Teatro de Campinas), que será realizado de 31 de janeiro a 13 de fevereiro de 2015, apresenta a relação dos espetáculos selecionados através de edital, também disponível no site www.feverestival.com.br, desde o dia 17.
As propostas, analisadas por uma equipe formada pelos curadores Joice Lima, Vinicius Torres e Camilo Scandolaro, vieram da Itália, Espanha, Portugal, Argentina, Bolívia, Colômbia e Brasil (São Paulo, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Brasília, Bahia, Paraná, Minas Gerais, Amazonas, Ceará, Paraíba). A escolha foi feita conforme os critérios de qualidade artística, coerência com os princípios e características do evento e da temática proposta pelo festival e viabilidade da proposta segundo as possibilidades técnicas.
Os selecionados receberão um cachê/ajuda de custo de R$4.500,00 e as cenas curtas, de R$700,00, para viabilizar a participação no Feverestival.
Essa é a primeira edição que o Festival é contemplado nos editais públicos estadual (ProAC) e municipal (FICC), além de manter a parceria com o SESC e a Prefeitura Municipal de Campinas.
A seguir, os selecionados:

Categoria Espetáculo Adulto
Mundomudo, Cia Azul Celeste ( São José do Rio Preto-SP)
Lady Macbeth, Via Rossi (Itália)
É só uma formalidade, Quatroloscinco Teatro do Comum  (Belo Horizonte-MG)

Categoria Espetáculo Infantil
Expresso Caracol (foto - São José do Rio Preto-SP)
Saci Pererê: a lenda da meia noite, Cia de Teatro Lumbra (Porto Alegre-RS)

Categoria Espetáculos de Rua
Grand Circo Internazionale, Zibaldone (Ribeirão Preto - SP)
Sala de Banho, Trágica Cia de Teatro (Curitiba-PR)
Ao Cair do céu, Trupe Caiu do Céu (São Paulo-SP)

Categoria Cenas Curtas
Chá com cartas - Plantação (Belo Horizonte-MG)
Os Funcionários, LosCircolos (Campinas/SP)
A natureza da vida, Fernanda Magalhães, (Londrina-PR)
Catadora de Ilusões, Gabriela Winter (São Paulo-SP)
Fuá Matuá, Flautins Matuá (Campinas-SP)
A cena por aí, Arthur Amaral (Campinas-SP)
Rastro, Ló Guimarães (Campinas-SP)
As Gêmeas de Brodowski, Cia Zero-Zero de Teatro (São Paulo-SP)
Equilibrando sonhos, Espuma Bruma, (Rio Comprido-RJ)
Entre Violas e couros, João Arruda (Campinas-SP)
O que você está fazendo agora [?] Núcleo Fuga (São Paulo-SP)
Maracatucá (Campinas-SP)

Categoria Especial Curta-Metragem
Mazzaropi: o Jeca Empreendedor, produtora independente (Campinas - SP)
Cartas do desterro, Laboratório Cisco (Campinas-SP).

EMT lança e-book da Turma do Gabi nº 3

O EMT – Estúdio Moacir Torres e a Kindle estão lançando a revista em quadrinhos da Turma do Gabi nº 3, recheada de aventuras bem legais com a turminha mais alegre do Brasil. Esta é uma edição comemorativa pelos 40 anos de criação dos personagens pelo cartunista e escritor Moacir Torres, que acontece neste ano de 2015. Com esse novo lançamento, o autor contabiliza onze publicações, entre livros e revistas em quadrinhos, no site da Amazon. Para adquirir esse novo lançamento, basta clicar no link http://www.amazon.com.br/gp/product/B00RCY7EP6.

Concerto da Orquestra Sinfônica de Indaiatuba lota o Ciaei

Foto: Rafael Scucuglia.
Flash da apresentação da Orquestra Sinfônica de Indaiatuba, realizado na sexta-feira, 19, na sala Acrísio de Camargo, no Ciaei. Com a casa lotada, o concerto, que marcou oficialmente a mudança de Orquestra de Indaiatuba para Orquestra Sinfônica de Indaiatuba, contou com um programa que incluiu uma versão sinfônica de Luar de Indaiatuba, de Nabor Pires de Camargo, além do Concerto nº 3 para Violino e Orquestra, de W. A. Mozart, solado pela violinista canadense Veronique Mathieu e, para fechar a noite, a Suíte Carmen, de Georges Bizet, que reuniu uma seleção de números extraídos da ópera Carmen.

Secretaria de Cultura revela vencedores do concurso Acrísio de Camargo

Maria do Céu Heinrich, vencedora da categoria Conto e o jurado 
Guilherme SallaFoto: Giuliano Miranda – SCS/PMI.
A Secretaria Municipal de Cultura realizou no último dia 18 na Câmara Municipal evento para revelação dos vencedores do Concurso Literário Acrísio de Camargo 2014. Garantiram o primeiro lugar Ibrahim Cássio de Freitas, com a poesia Triângulo sobre círculo, Matheus Ferreira Marques, com a crônica Lira dos vinte e poucos anos e Maria do Céu Heinrich, com o conto Maturação.
Criado com o objetivo de divulgar o nome do autor da letra do Hino de Indaiatuba e incentivar a produção literária no município, o concurso ofereceu premiações em dinheiro para as três melhores obras nas categorias Poesia, Conto e Crônica, sendo R$2.700,00 para o 1º lugar, R$2.000,00 para o 2º lugar e R$1.000,00 para o 3º lugar, além de Menções Honrosas. Os melhores textos, que serão publicados no site do jornal Tribuna de Indaiá, foram apontados por três jurados convidados: a escritora Fernanda Aragão, o poeta e professor Guilherme Salla e o poeta, escritor e tradutor Luiz Roberto Guedes. Na ocasião, o público conferiu também o espetáculo O Natal ao Redor do Mundo, Canções Natalinas e Hodie Emmanuel Gloria, com apresentação dos corais Cidade de Indaiatuba, Terceira Idade e Infantil, com alunos das oficinas gratuitas da Secretaria de Cultura.
Confira a lista completa dos agraciados:
Categoria Poesia
1º lugar – Ibrahim Cássio de Freitas – Triângulo sobre círculo
2º lugar – Beatriz Regina Barbosa – Hipoética
3º lugar – Roque Pires A. Junior – Terra, água e vento
Menção honrosa – Ana Maria Azevedo Campos – Limeriques para os desejos de criança
Menção honrosa – Kelly Domingues dos Santos – Amor Absoluto
Menção honrosa – Matheus Marques – Lugar Nenhum
Categoria Crônica
1º lugar – Matheus Ferreira Marques – Lira dos vinte e poucos anos
2º lugar – Jacimara M. S. Miranda – Puxando Conversa
3º lugar – Carlos Gustavo Cezare – Um milhão de amigos
Menção honrosa – Luis Fernando C. Rodrigues – Setembro chove?
Menção honrosa – Antônio Carlos G. Sanches – Maria Helena e o chalé suíço
Menção honrosa – Robson Castro Vianna – Bastidores do Teatro
Categoria Conto
1º lugar – Maria do Céu Heinrich – Maturação
2º lugar – Ibrahim Cássio de Freitas – A Mudez dos Vidros
3º lugar – Evandro Rafael Saracino – Toda dor passa
Menção honrosa – Ana Maria Azevedo Campos – Batalha
Menção honrosa – Roque Pires A. Junior – Conto de um só verbo
Menção honrosa – Irene Watanabe – Por que a vaca malhada escondeu seu bezerro.

Cartões de Boas Festas

Free Images.
Chegando cartões de Boas Festas dos queridos Antonio Manoel Brito, Ilone Vilas BoasLincoln Franco, Antonia Maria Zogaeb, CR Basso Consultoria, SOS Mata Atlântica, grupo Senhor dos Passos, Rabaglio Educação Empresarial, Cooperativa IntelectualAdair Nunes da Silva, Cauã Vinicius Nunes da Silva, Partner Eventos, Topázio Cinemas, Green House Store Campinas, Le Triskell Bistrô, Museu Lasar Segall, ONG Gabriel e das queridas Valéria BarbugliIara Patricia Brandini Borba Janete Hanagusko Siqueira.
A todos vocês, que enviaram cartões, lembranças e bons pensamentos, desejo, em meu nome e em nome dos patrocinadores do blog, um Natal de muito amor e aconchego e um ano novo de muita saúde, conquistas e paz no coração.

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Indaiatuba prepara recurso para melhorar pontuação do Município Verdeazul

A Secretaria Municipal de Urbanismo e do Meio Ambiente entrará com recurso para corrigir sua posição no Ranking Ambiental Paulista 2014 do Programa Município VerdeAzul. Apesar de estar entre as 118 cidades do Estado que mais desenvolveram atividades e projetos na área ambiental, ocupando a 98ª posição no ranking, o município não recebeu pontuação em alguns projetos que foram desenvolvidos este ano.
O anúncio e a certificação das cidades foram feitos na quinta-feira (11) em cerimônia realizada no Palácio dos Bandeirantes, com as presenças do secretário de Meio Ambiente, Rubens Rizek, do coordenador do Programa Município VerdeAzul, Ricardo Montoro e do secretário de Planejamento e Desenvolvimento Regional, Júlio Semeghini, que representou o governador Geraldo Alckmin. Equipe do Departamento de Meio Ambiente da Secretaria Municipal de Urbanismo e do Meio Ambiente participou da cerimônia.
Conforme explicou o secretário Municipal de Urbanismo, José Carlos Selone, o município conta com ações que atendem os critérios que são avaliados pelo Programa, mas que não foram pontuados. “Estamos contentes de novamente recebermos a certificação do Município Verde Azul, mas entendemos que nossa classificação poderia ser melhor, com base em projetos que foram desenvolvidos este ano e cuja pontuação não foi computada. Vamos recolher novamente as documentações exigidas e solicitaremos uma nova análise, com o objetivo de melhorar a pontuação e a classificação de Indaiatuba no ranking ambiental. Nosso prazo de recurso é até o próximo dia cinco de janeiro”, justifica.
Um dos critérios que são avaliados pelo Estado e que encabeçam o recurso de Indaiatuba se refere à gestão das águas. Pela justificativa dos organizadores do ranking, o município deixou de pontuar em dois itens por não apresentar informações sobre os principais corpos hídricos e respectivos índices de qualidade das águas e declaração da concessionária de saneamento informando por ETA o tipo de tratamento das águas, quantidade de lodo produzido e seu local de destinação. Na documentação apresentada pelo SAAE (Serviço Autônomo de Água e Esgoto) constam essas informações, por isso a necessidade do recurso.
A questão da Educação Ambiental é outra diretiva que será questionada pela Secretaria de Urbanismo. A equipe de avaliação do Município VerdeAzul também justificou que dois itens não foram pontuados porque os documentos apresentados não atenderam ao solicitado na diretriz, o que será questionado por Indaiatuba.
Entre as novidades deste ano que ajudaram Indaiatuba a recuperar posições no ranking ambiental e conseguir a certificação do Município VerdeAzul estão o Plano de Arborização Urbana, o convênio com a Associação Mata Ciliar e a apresentação de área de soltura de animais tratados pela associação e devolvidos às matas, além do início das atividades do Viveiro Municipal de Mudas.

Mais certificados
Essa é a sétima edição do Programa Município VerdeAzul e o empenho dos municípios paulistas em programas ambientais provocou um aumento no número de certificados, que este ano foi de 118 municípios, contra 67 em 2013. A nota média também teve um acréscimo de mais de um ponto – de 85,5 para 86,9. Outro número que aumentou foi o de municípios que elaboraram seus Planos de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos, de 219, em 2013, para 334 este ano. Houve ainda aumento na quantidade de municípios com programas de Educação Ambiental, de 203 para 258 em 2014.
Este ano o programa fechou parceria com a Defesa Civil do Estado de São Paulo e 483 municípios atualizaram a indicação de coordenadores municipais de Defesa Civil. Outra novidade foi a adesão dos municípios ao Programa Cidades Resilientes, com 210 cidades cadastradas.

O programa
Lançado em junho de 2007, o Município VerdeAzul tem como principal proposta descentralizar a agenda ambiental paulista, ganhando eficiência na gestão ambiental e valorizando a base da sociedade.
Os municípios recebem uma nota ambiental, que varia de zero a 100 e avalia o seu desempenho em dez diretivas. Foram avaliadas ações referentes a esgoto tratado, resíduos sólidos, biodiversidade, arborização urbana, educação ambiental, cidade sustentável, gestão das águas, qualidade do ar, estrutura ambiental e conselho ambiental.
As prefeituras com nota acima de 80 são reconhecidas pelo exemplo ambiental e recebem o prêmio Município VerdeAzul.
O certificado, que reconhece a boa gestão ambiental, garante à administração municipal a prioridade na captação de recursos com o Governo do Estado, por meio do Fundo Estadual de Prevenção e Controle da Poluição – Fecop.
O projeto convida os municípios a aderirem a partir da assinatura de um “Protocolo de Intenções” que propõe dez Diretivas Ambientais. Assim é estabelecida a parceria entre o município e a Secretaria de Estado do Meio Ambiente que orienta, segundo critérios específicos a serem avaliados, os rumos e ações necessários que o município precisa adotar para ser certificado como “Município Verde Azul”.
A Secretaria Estadual de Meio Ambiente acompanha e auxilia os municípios no cumprimento de sua agenda ambiental e faz uma avaliação do desempenho dos municípios atribuindo as notas. Além do certificado de “Município Verde Azul”, há também um prêmio para o melhor colocado em cada uma das 22 bacias hidrográficas do Estado, que recebem o Prêmio Franco Montoro de Ecologia.
Os “municípios verdes” possuem prioridade no acesso às políticas de governo e o projeto acaba criando uma competição sadia entre as prefeituras, tendo em vista que a melhoria na pontuação depende diretamente da efetivação de ações ambientais nos municípios.

Concerto de lançamento da Orquestra Sinfônica de Indaiatuba


Turma do Macarrão realiza entrega de brinquedos de Natal

A equipe de voluntários da Turma do Macarrão está se preparando para a entrega de presentes para as entidades cadastradas. Quem quiser colaborar com essa ação solidária, que há 31 anos leva muita alegria aqueles que mais precisam, basta adquirir uma camiseta no valor de R$30,00 em um dos pontos de venda (El Tambo Cambuí, Multibebidas Store e Óticas Elis), estar em frente ao ginásio da AABB (Associação Atlética Banco do Brasil) às 8 horas do dia 24 de dezembro e levar consigo uma dose de energia e alegria.
Na campanha de 2013, os voluntários arrecadaram 111 toneladas de alimentos, entre macarrão, cesta básica, frutas e legumes, 15.200 brinquedos e 12 mil livros educativos. Essas doações, divididas entre 18 caminhões, foram entregues a 55 entidades beneficentes e 12 comunidades carentes. 

Serviço:
Natal Solidário – Turma do Macarrão
Data: 24 de dezembro
Horário: a partir das 8 horas
Local: Rua Rachid Elias Zakia, 181 – Jd. Paineiras, Campinas

Pontos de vendas das camisetas:
El Tambo Cambuí (19) 2121-5139
Rua Sampainho, 336 – Cambuí, Campinas

Multibebidas Store (19) 3579-4787
Avenida Albino J. B. Oliveira, 1615 – Barão Geraldo, Campinas

Óticas Elis (19) 3294-3097
Avenida Nossa Senhora de Fátima, 1197 – Taquaral, Campinas.

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Empresa sediada em Indaiatuba recebe prêmio nacional

A Concrebem, empresa do segmento de pré-moldados sediada em Indaiatuba, recebeu no último dia 4 da Associação Brasileira de Construção Industrializada de Concreto o Prêmio Abcic de Obra do Ano em função da excelência na execução da estrutura pré-fabricada do Tietê Plaza Shopping.

Imperial Made inaugura em Campinas e encanta com conceito lounge wear

Divulgação.
A loja de roupas masculinas Imperial Made, no Cambuí, mostrou que veio revolucionar o modo de se vestir durante a festa de inauguração na noite de 16 de dezembro. Gente bonita e badalada, acostumada com qualidade e bom gosto, se surpreendeu ao deparar com as modelagens, cores, perfume inerente às malhas e com o zelo dos recortes e costuras das camisetas, bermudas, camisas e moletons.
Mais que vender roupas, a marca deseja que o cliente tenha uma experiência de convivência onde ele possa relaxar, comer e beber alguma coisa gostosa, conversar com os amigos ou até jogar videogame – o processo de venda vem naturalmente com o ambiente.
"Tratamos o cliente com respeito. Desde a confecção honesta das peças até a venda. Treinamos nossos colaboradores para serem sinceros em relação ao caimento da roupa no corpo e agirem como gostariam de ser tratados em uma loja. Sabemos que assim o conquistaremos e que ele voltará sempre", enfatiza Ricardo Bragalha (foto), criador da marca.
Bragalha explica que, embora as roupas sejam masculinas, o público da loja também é feminino. "As mulheres querem que seus namorados, maridos, pais e filhos vistam-se bem e com qualidade. E muitas não resistem ao conforto e ao cheirinho bom do tecido e compram para si também porque com pequenos ajustes a peça se adapta muito bem", ressalta. 

Conceito lounge wear
A loja, que já existe na vizinha Americana, oferece o conceito lounge wear, que combina comércio de roupas com um lounge. O objetivo é oferecer um ambiente descontraído, onde todos os estilos podem se encontrar.
A iniciativa de abrir a loja conceito em Campinas e seguir com um plano ambicioso de expansão pelo Brasil vem de sete jovens sócios empreendedores, todos de Americana. A marca planeja estar entre os grandes nomes nacionais e ser referência para novos empreendedores e entusiastas.
O idealizador da marca, Ricardo Bragalha, apresenta quinzenalmente novos modelos, que têm edição limitada. As criações são baseadas no conceito lounge, que transmite uma atmosfera descontraída e elegante ao mesmo tempo, contemplando os estilos social, casual, extravagante e funcional, com sofisticação. "São peças para o dia a dia, bermudas de praia e sarja, camisetas, camisas sociais e casuais, aliando arte minimalista com temas que abrangem o universo masculino", explica Bragalha.

Diferenciais da marca
Os tecidos, malhas e outras matérias-primas da Imperial Made provém de empresas 100% brasileiras com o foco nos mercados premium e exportação.
As oficinas são regionais. Modelistas e costureiros são valorizados com salários acima do praticado no mercado a fim de garantir a qualidade dos produtos e inibir o trabalho escravo.
Todas as peças passam por lavanderias industriais que usam produtos biodegradáveis e possuem reutilização de água e tratamento de água para descarte. Cada ciclo dura aproximadamente duas horas a uma temperatura de 65ºC. Isso garante o encolhimento total das peças para que o produto final não sofra nenhum encolhimento e/ou torção em lavagens domésticas. Os produtos chegam ao cliente com um toque mais suave do que a própria base (tecido/malha) e também perfumados.
Todo acabamento, limpeza, passadoria e controle de qualidade é feito dentro da empresa. Os colaboradores são treinados para identificar qualquer avaria e certificar que o produto final esteja impecável.

Sobre a Imperial Made
A marca nasceu em 2007 como um hobby do fundador Ricardo Bragalha. Foram lançados alguns modelos de camisetas e vendidas apenas para amigos e conhecidos, tanto masculino quanto feminino. O nome era apenas Imperial. O projeto ficou parado até 2010, quando Widmarck Jesse Guerra, amigo, designer e fã da marca, apresentou a nova logomarca com o sufixo "Made" (feito para um nobre), desta vez com o desenvolvimento dos produtos voltados para o público masculino. Em outubro de 2013, Bragalha abriu a primeira loja Imperial Made, em Americana, em resposta a pesquisas que indicavam essa oportunidade. Um ano depois, em outubro deste ano, seis amigos usuários e fãs das roupas uniram-se a Bragalha para alavancar a expansão da marca, que começa com a unidade no Cambuí.
A loja de Campinas chega como a segunda de muitas outras que o grupo de jovens empreendedores planeja lançar no País. São sócios de Bragalha: Amyr Bethke Najar, Fabrício Macias Rodrigues da Silva, Gustavo Linarelli, José Antonio Luchiari Pisoni Duarte Fortunato, Sidney Maurício Nardini Neto e Silvio Orlando Moraes Junior.

Serviço:
Imperial Made
Endereço: Rua Dr. Emílio Ribas, 409, Cambuí, Campinas
Funcionamento: de segunda a sexta-feira, das 10h às 20h e sábados das 10h às 18h
Telefone: (19) 3395-8337.

Cartões de Boas Festas

Free Images
Mais cartões de Boas Festas chegando: agora, da equipe do Jornalzen; dos amigos queridos do Ciaspe; da amiga Selma Tomiatti; da TV Sol; da Central de Comunicação, do SESI Campinas Amoreiras e do Armazém da Notícia. A todos vocês desejo um Natal de muito amor e fraternidade e um 2015 repleto de boas notícias e conquistas.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

OSMC encerra o ano com dois concertos para comemorar o Natal

A Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas encerra o ano em grande estilo com duas apresentações, com regência do maestro titular Victor Hugo Toro. No sábado, 20 de dezembro, às 19h, o concerto será na Igreja São José, na Vila Industrial e no domingo, 21 de dezembro, às 19h, o palco será a Concha Acústica do Taquaral, com o aguardado Concerto de Natal. As duas apresentações são gratuitas.

Concerto de Natal
O concerto de Natal na Concha Acústica do Taquaral, no domingo, 21 de dezembro, encerra o ano de apresentações da Orquestra Sinfônica de Campinas e presenteia a cidade com a execução de obras que vão empolgar o público. Sob regência do maestro Victor Hugo Toro e participação da soprano chilena Madelene Vasques, será acompanhada pelo coro Meninos Cantores de Campinas, com regência de Natália de Souza Laranjeira.  
“O programa é um presente antecipado aos campineiros e visitantes, porque traz músicas natalinas conhecidas do grande público e que fazem parte do imaginário popular”, comenta o maestro Toro.
O programa terá na abertura Valse Caprice, de Rubinstein; segue com a aria de Romeu e Julieta Je veux vivre, do francês Charles Gounod, o Vergnuegungszug, polka op.281, Tritsch – Tratsch – Polka, op.214 e Feuerfest, Polka, op. 269, de Johann Strauss e Il bacio, do italiano Luigi Arditi.
Uma coletânea de cançonetas folclóricas, de Alfredo Dias e Ave Maria, do austríaco Franz Schubert, valorizam o tema de Natal de forma poética e marcante. O concerto de Natal da Concha Acústica tem patrocínio da Unimed.

Uma missa 40 anos depois
A apresentação de sábado, 20 de dezembro, às 19h, será a missa Da Nova e Eterna Aliança, obra original composta pelo campineiro Raul do Valle em 1974. Na época, a peça foi encomendada pela Prefeitura de Campinas para as comemorações do bicentenário da cidade. Estreou no dia 14 de julho daquele ano, na Catedral Metropolitana de Campinas, na versão original, para solistas, coro misto, órgão e percussão, sob regência do maestro Benito Juarez.  
Mais de quatro décadas depois, a obra, em versão orquestral, revista e ampliada pelo autor, será reapresentada, desta vez sob a batuta do maestro Victor Hugo Toro. O público irá ouvir Senhor, tende piedade de nós!, Glória, Santo, Santo, Santo, Cordeiro de Deus e Amém. O concerto terá a participação do coral Minaz, de Ribeirão Preto e regência de Gisele Ganade.

Serviço
Concerto na Igreja
Data: 20 de dezembro, sábado
Horário: 19h
Local: Igreja São José Vila, Rua 24 de maio, 477, Vila Industrial
Entrada gratuita

Concerto de Natal na Concha Acústica
Data: 21 de dezembro, domingo
Horário: 19h
Local: Concha Acústica do Taquaral “Auditório Beethoven” - Av. Heitor Penteado, s/nº, Parque Portugal (Lagoa Taquaral)
Entrada gratuita

Programa do Concerto de Natal em 21 de dezembro
Rubinstein: Valse Caprice abertura
Ch. Gounod: Je veux vivre, aria de Romeo e Julieta
J. Strauss: Vergnuegungszug, polka op.281; Tritsch – Tratsch – Polka, op.214 e Feuerfest, Polka, op. 269
L Arditi: Il bacio (sulle labbra)
A. Dias: Coletânea de cançonetas folclóricas
F. Schubert: Ave Maria
Tradicional: Suíte Natalina

Regente: Victor Hugo Toro
Solista: Madelene Vasquez – Soprano.

SOHO, DUE, Winds e Class, da Congesa: oportunidades de bons negócios

Divulgação.
Seja para morar ou investir, adquirir um imóvel exige planejamento e uma relação de confiança entre o cliente e a empresa. Na Congesa, construtora e incorporadora de Indaiatuba, essa confiança é traduzida na qualidade de suas obras e na pontualidade da entrega. Em 22 anos de história, a empresa nunca atrasou a entrega de um empreendimento, garantindo, assim, a satisfação plena de seus clientes.
Após entregar o SOHO, no mês de novembro, a empresa concentra seus esforços na construção de outros três importantes empreendimentos: DUE, Winds e Class. Os imóveis oferecem conforto e segurança em regiões estratégicas da cidade, com fácil acesso a rodovias, avenidas, comércio e serviços. Existem opções já prontas ou com entrega para o final de 2015 ou em 2016 – por isso, a hora de fechar negócio é agora.
Formado por duas torres de 17 andares, com 136 apartamentos no total, todos de três dormitórios e com duas vagas de garagem, o SOHO tem ampla área de lazer que agrada a todas as idades e está pronto para morar.
Localizado em uma região histórica, na área central de Indaiatuba, próximo ao Parque Ecológico, o DUE é um empreendimento completo e perfeito. Com duas torres de 17 andares e apartamentos de quatro dormitórios, com 128,86 m² e de três dormitórios, com 96,16 m², contempla recursos tecnológicos e área de lazer para todas as faixas etárias. Ideal para quem busca mais conforto, privacidade e espaço, será entregue em dezembro de 2015.
O Winds é o empreendimento certo para quem pratica esportes e quer viver cercado pela natureza. Fica na avenida do Parque Ecológico e conta com uma torre com apartamentos amplos de três dormitórios e plantas flexíveis, podendo ser ajustado de acordo com o gosto e as necessidades do morador. A previsão de entrega é maio de 2016.
Já o Class une localização e facilidades. Composto por uma torre com apartamentos de três e dois dormitórios, todos com duas vagas de garagem, o empreendimento foi idealizado para quem não abre mão da praticidade, pois tem fácil acesso a avenidas, rodovia, comércio e serviços. Será entregue pela Congesa no final de 2016, portanto uma boa opção para quem quer planejar o futuro com total tranquilidade.
Para conhecer mais sobre os produtos da Congesa, visite a Central de Vendas na Av. Eng. Fábio Roberto Barnabé, 1357, que abre diariamente das 9 às 19 horas, ou ligue para (19) 3835-4572.

Evento beneficente do IC arrecada mais de mil litros de leite

O Indaiatuba Clube realizou na manhã de sábado, dia 13 de dezembro, a primeira edição do Ação Solidária, evento esportivo que arrecadou mais de mil litros de leite, que serão doados para três entidades assistenciais do Município.
Na ocasião, foram promovidas três partidas de futebol no campo society e cada atleta doou um litro de leite. As arrecadações serão doadas ao Lar de Velhos Emmanuel, ao Lar São Francisco de Assis e também para Associação Beneficente Irmã Dulce (ABID).
Em campo, no primeiro jogo, o time do Indaiatuba Clube venceu o Clube 9 de Julho por 7 a 3. Na segunda partida, foi o Nove quem deu o troco e venceu o duelo por 2 a 1.
O terceiro e último jogo do evento ocorreu entre Amigos do Serjão x Ponte Preta, partida que terminou empatada em 4 a 4. Cerca de 70 pessoas marcaram presença no evento.

Orquestra de Indaiatuba se apresenta gratuitamente no Ciaei dia 19

Foto: divulgação.
A Orquestra Sinfônica de Indaiatuba, apoiada pela Secretaria Municipal de Cultura, realiza nesta sexta (19), a partir das 20h, apresentação gratuita na Sala Acrísio de Camargo, no Ciaei. Sob a regência do maestro Paulo de Paula, o grupo trará repertório variado, com uma versão sinfônica de Luar de Indaiatuba, de Nabor Pires de Camargo e Concerto nº 3 para Violino e Orquestra, de W.A. Mozart, com solo da violonista canadense Verónique Matheu, convidada especial. Professora de violino na Universidade do Kansas, nos Estados Unidos, Verónique já esteve à frente de várias orquestras e detém prêmios internacionais de música. Haverá ainda a suíte Carmen, de Georges Bizet, com uma seleção de números extraídos da famosa ópera. Informações: (19) 3894-1867.
Este espetáculo do dia 19 será o primeiro do grupo como Orquestra Sinfônica de Indaiatuba. Anteriormente denominado Orquestra de Indaiatuba, o grupo teve sua composição alterada, passando a agregar, além de instrumentos de corda – como violinos, violas, violoncelos e contrabaixo –, também instrumentos de sopro, como flauta, clarinete e trompete, bem como percussão. A Orquestra de Indaiatuba foi criada no início de 2004 por iniciativa da Prefeitura e desde seu surgimento tem possibilitado a jovens instrumentistas da cidade a oportunidade de se desenvolverem técnica e musicalmente, oferecendo aulas gratuitas de violino, viola e violoncelo e também permitindo sua participação nos ensaios e apresentações do grupo. Atualmente é formada por 21 instrumentistas que são dirigidos pelo maestro Paulo de Paula.

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Projeto "Pelas ruas da cidade" estará em Campinas no dia 20 de dezembro

Palhaços na Praça Petrópolis. Foto: Bruna Prado.
Respeitável público de Campinas: abram passagem para as cores e alegrias da arte circense. O projeto Pelas ruas da cidade, iniciativa do Grupo Off-Sina, passará pelo município no dia 20, encerrando a terceira edição do projeto que tem reunido diversas atrações e artistas, mantendo viva a arte da palhaçaria. Os espetáculos já passaram por Petrópolis, Juiz de Fora, Teresópolis e Nova Friburgo.
Pelas ruas da cidade tem como objetivo fomentar, propagar e divulgar as artes de rua, colocando em pauta uma nova dinâmica de ocupação do espaço público e contribuir para a ampliação do acesso aos bens culturais de cada município. Surge a partir da experiência do Grupo Off-Sina, que em seus 26 anos de existência já circulou por 82 municípios do Estado do Rio de Janeiro e itinerou por 930 municípios em 23 Estados. A itinerância do Grupo Off-Sina pelo Brasil é um dos elementos importantes para o seu desenvolvimento histórico, cultural, social e político, com ênfase no reconhecimento dos valores da cultura nacional.

Circulação artística encerra ciclo em Campinas
No dia 20 de dezembro, a partir das 11h, a Praça do Coco (Barão Geraldo - Campinas) será palco para a apresentação de suas atrações: Tremelicando, com o Grupo Off-Sina e Circo do Só ÊU!!!, com o Barracão Teatro.
Abrindo a tarde, Tremelicando – uma homenagem aos palhaços excêntricos musicais Treme Treme e Corrupita, mestres dos atores do grupo, Lilian Moraes e Richard Riguetti. Nele, o Grupo Off-Sina busca resgatar números que utilizam a técnica de palhaçaria excêntrico musical, onde objetos comuns como bombas de bicicleta, sinos, moedas, latas e guizos são transformados em instrumentos musicais.
Logo depois é a vez de Circo do Só ÊU!!!. Equilíbrio de pratos, macacos em monociclo, hipnose, mágica, acrobacia e música são apenas alguns dos elementos do espetáculo do Barrão Teatro, que conta a história de um palhaço que decide apresentar sozinho o show que foi cancelado.
Pelas ruas da cidade – III Edição é um projeto do Grupo Off-Sina, contemplado pelo Prêmio Funarte Artes na Rua - Circo, Dança e Teatro 2013.

Serviço
Dia 20/12 - Praça do Coco (Barão Geraldo)
11h – Tremelicando, com o Grupo Off-Sina |  14h – Circo do Só ÊU!!!, com o Barracão Teatro

Sinopses
Grupo Off-Sina - Tremelicando
Os palhaços Café Pequeno e Currupita apresentam um roteiro de números excêntricos musicais, onde objetos comuns, como bombas de bicicleta, sinos, latas, moedas, buzinas e guizos, são transformados em instrumentos musicais inusitados, resgatados através de uma pesquisa sobre a vida e obra dos palhaços Treme Treme e Corrupita. A figura tradicional do Homem dos Sete Instrumentos, artista que toca vários instrumentos simultaneamente, é trazida ao picadeiro através do Casal Banda.

Barracão Teatro – CIRCO DO Só ÊU!!!
O majestoso Circo do Sol, com todas as suas atrações fenomenais, aceitou prazerosamente o convite para se apresentar nesta cidade ate que recebe outra proposta muito mais lucrativa e decide cancelar, de última hora, a apresentação do espetáculo. Zabobrim, o palhaço, vem até vocês para tentar apresentar sozinho o grande espetáculo com números de equilíbrio de pratos, macacos em monociclo, hipnose, mágica, acrobacia, música e muito mais.

Lançamento de livro: "Paca, Tatu, Cutia! Glossário Ilustrado de Tupi"

O Natal está chegando; quer uma boa opção para presentear? Um livro, melhor ainda se for um glossário ilustrado de Tupi ou Nheengatu, como é conhecida a língua da maioria dos índios brasileiros. A oportunidade de comprar o livro com a dedicatória de seus autores será no próximo sábado, dia 20 de dezembro, no projeto O Autor na Praça, quando os autores Mouzar Benedito e o cartunista Ohi estarão no Espaço Plínio Marcos em tarde de autógrafos do livro Paca, Tatu, Cutia! – Glossário Ilustrado de Tupi, lançado recentemente pela Editora Melhoramentos.

Sobre o livro
Você sabe o que Bauru, Jurema, jacaré e pereba têm em comum? Todas são palavras originadas das línguas faladas no Brasil na época do descobrimento. Os indígenas do litoral brasileiro falavam dialetos muito parecidos de uma língua brasílica, que era só oral. Os jesuítas tentaram unificar esses dialetos por meio da criação de uma escrita, o nheengatu (língua boa ou falar bem, em tupi). Com o objetivo de valorizar nossa cultura e linguagem, Mouzar Benedito compilou os vocábulos do nheengatu neste glossário. Além de muito importante para estudantes do ensino fundamental e do ensino médio, este livro é também de interesse dos adultos. O autor procurou levantar o máximo de palavras do cotidiano (adjetivos, substantivos e verbos) e uma pequena parcela dos muitos nomes de cidades e bairros, rios e serras, estados e antropônimos. O leitor vai conhecer essas palavras, seus significados e muitas curiosidades sobre elas. Para completar a bela apresentação, o livro traz ilustrações do cartunista Ohi. Paca, Tatu, Cutia – Glossário Ilustrado de Tupi, Editora Mehoramentos, 128 páginas, R$49,00.

Sobre Mouzar Benedito
É jornalista e geógrafo. Nasceu em Nova Resende (MG). Atualmente é colunista das revistas Fórum Digital e Revista do Brasil. É sócio-fundador da Sociedade dos Observadores de Saci (Sosaci), autor da coleção infanto-juvenil Mitologia Brasílica (Saci, Iara, Curupira, Boitatá, Caipora e os “Importados” Mula sem cabeça, Cuca e Lobisomem), dos livros Anuário do Saci, Anuário do Saci e seus amigos – Mitologia Brasílica e Saci e os amigos da Natureza. Participou ativamente da imprensa alternativa – foi um dos fundadores dos jornais Versus e Em Tempo, colaborou no Pasquim, Brasil Mulher, Mulherio, Movimento etc. – e trabalhou ou colaborou em cerca de trinta jornais e trinta revistas. Fez, com Henfil, versão brasileira da Revista Mafalda e traduziu vários livros. Tem 44 livros publicados. Entre eles, Santa Rita Velha Safada (1983, Editora Busca Vida), Pobres, porém perversos (1992, Editora Scritta), 1968, Por ai... Memórias Burlescas da Ditadura (2008, Publisher Brasil), Ousar Lutar (2000, em coautoria com José Roberto Rezende, Boitempo Editorial), Trem Doido (2012, Limiar Editora) e a série Ferrer, Bill Ferrer – Detetive Heterodoxo (Boitempo Editorial).

Sobre José Luiz Nogueira Ohi
Mais conhecido como Ohi, é jornalista e artista gráfico. Nasceu em 1953 em Campo Grande (MS). Estudou e começou a vida profissional em São Paulo. Antes de se tornar jornalista, foi cenógrafo e figurinista. Entrou na Editora Abril em 1974, onde trabalhou na revista Placar por oito anos. Também trabalhou nos jornais alternativos da época, entre eles o jornal Unidade, do Sindicato dos Jornalistas Profissionais de São Paulo. Foi também um dos fundadores da Associação dos Artistas Gráficos e Fotógrafos (Agraf). Atualmente trabalha como ilustrador de livros, revistas e jornais. Em parceria com o jornalista Mouzar Benedito escreveu e ilustrou os livros Roendo o Osso, Anuário do Saci, Anuário do Saci e seus amigos – Mitologia Brasílica, Saci e os amigos da natureza, O Reino da Água e a coleção Mitologia Brasílica. No momento desenvolve alguns projetos, entre eles o Batalha de Mitos, o primeiro Trade Card Game (TCG) – jogo de cartas colecionáveis – brasileiro, utilizando nossos mitos como personagens do jogo. É um dos fundadores da Sociedade dos Observadores de Saci (Sosaci). Conheça as “ilustras” do Ohi: http://ohitine3.wix.com/ohi-ilustras.  

Serviço:
O Autor na Praça apresenta tarde de autógrafos do livro Paca, Tatu, Cutia! – Glossário Ilustrado de Tupi com o escritor Mouzar Benedito e o cartunista Ohi
Dia 20 de dezembro, sábado, 15h
Espaço Plínio Marcos – Tenda na Feira de Artes da Praça Benedito Calixto – Pinheiros, São Paulo
Informações: Edson Lima – (11) 3739-0208/95030-5577 –  oanp@uol.com.br.
Realização: Edson Lima & Aapbc
Apoio: Max Design, Enlace-Media, Restaurante Consulado Mineiro e O Cantinho Português (Barraca de comida portuguesa na Feira da Benedito Calixto).

Cartões de Boas Festas

O querido Freddy Forner manda cartão de Boas Festas. José Carlos Tonin também não se esqueceu, assim como a Eventi, a Parrano Publicidade e a Les Coussins. A todos, meu muito obrigado, com um abraço fraterno e desejos de um Natal de amor e paz e um 2015 cheio de conquistas, realizações e muita saúde.

Felipe Silveira e Ernani Teixeira revisitam o jazz de Peterson e Grapelli quinta no Almanaque

Adicionar legenda
Na quinta (18), os músicos Felipe Silveira (piano) e Ernani Teixeira (violino) revisitam no Almanaque Café (Avenida Albino José Barbosa de Oliveira, 1240, em Barão Geraldo, Campinas) a genialidade do duo Oscar Peterson e Stephane Grappelli. Em 1973, comemorando 50 anos de carreira como músico profissional, o violinista Stephane Grappelli realizou uma série de shows e gravações em estúdio com outro grande virtuoso do jazz: Oscar Peterson. O estilo exuberante e sofisticado de Peterson, lembrando o grande Art Tatum, foi a perfeita combinação com o lirismo transbordante de Grappelli em baladas como My One & Only Love e In a Sentimental Mood, para citar algumas.
Durante o show no Almanaque Café, Ernani e Felipe irão privilegiar baladas refinadas e inesquecíveis como Someone to Watch Over Me e Solitude, entre outras.
O telefone do Almanaque é (19) 3249-0014.

Prefeitura divulga valor arrecadado com campanha do I.R. Solidário

A Prefeitura de Indaiatuba, por meio do Departamento de Terceiro Setor da Secretaria da Família e do Bem Estar Social, em parceria com a Fundação Toyota do Brasil e com a Aesci (Associação de Serviços Contábeis de Indaiatuba), divulga a partir dessa semana com outdoors e campanha publicitária o valor angariado com a campanha do Imposto de Renda Solidário. Em 2014 o valor alcançado foi de R$174.057,78 o equivalente a 702,10% a mais do que recolhido em 2013, quando o montante não passou de R$21.700,00. O objetivo do programa Imposto de Renda Solidário é ajudar a financiar projetos voltados às crianças, adolescentes e idosos do município.
De acordo com o secretário da pasta, Luiz Henrique Furlan, o valor é muito expressivo e traz um imenso agradecimento as pessoas que colaboraram com a causa. “Agradeço às pessoas que se empenharam na campanha como a Aesci e a Toyota, que acreditaram no projeto e trabalharam para alcançar esse resultado. Agradeço a todas as pessoas que se conscientizaram e destinaram parte do Imposto de Renda para o Funcri e Fundi, ajudando nossas crianças, adolescentes e idosos em situação de vulnerabilidade. Peço para as pessoas continuarem com esse gesto em 2015, pois assim conseguimos deixar uma quantia do imposto direto na cidade e direcionamos para os projetos sociais desenvolvidos por nossas ONGs”, comenta e explica Furlan.
Ao preencher a declaração do imposto de renda, o contribuinte pode destinar 3% do imposto devido em 2014 por meio de um DARF (Documento de Arrecadação de Receitas Federais) gerado pelo próprio sistema. A destinação de parte do Imposto de Renda para o I.R. Solidário de Indaiatuba não gera custos adicionais e os valores são abatidos da declaração. O valor destinado respeita os valores legais e é integralmente deduzido do I.R. devido na declaração anual. Além disso, a doação é reconhecida e estará disponível no sistema da Receita Federal.
A distribuição da renda para as entidades parceiras será definida de acordo com as necessidades de cada instituição e projeto, definidas pelo Cmdca (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente).

Funcri 2015
O Cmdca informa que dezembro é o mês do Leão Amigo das Crianças e Adolescentes. Todas as pessoas jurídicas e físicas que recolhem o Imposto de Renda no mês de dezembro podem doar parte do imposto devido que pagarão em 2015 para o Funcri (Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente) do Cmdca. O valor será abatido quando declararem o imposto no ano seguinte. As empresas tributadas com lucro Real podem doar até 1% do Imposto Devido. As pessoas físicas poderão abater 6% do valor do Imposto devido.
A presidente do Cmdca, Noêmia Giatti Roncato, informou as contribuições deverão ser pagas até 29 de dezembro de 2014. “O dinheiro doado por empresas ou pessoas físicas será direcionado as 18 entidades cadastradas no Cmdca, as quais tem seus projetos aprovados”.
Noêmia explicou que a Receita Federal informou em comunicado que só 2% do Imposto devido é doado, 98% vai para Brasília. “Vamos colaborar, ser amigos das crianças e dos adolescentes doando parte de seu imposto. São 5.000 crianças atendidas; vamos fazer a diferença em nossa cidade”.
No ano de 2.014, o Funcri repassou R$850.000,00 (Oitocentos e Cinquenta Mil Reis). As entidades prestam contas e são fiscalizadas pelo Cmdca.
Para fazer sua contribuição, faça um depósito identificado com a Razão Social e CNPJ/CPF:
Banco 104 – Caixa Econômica Federal Agência: 0897-4
Conta Corrente: 06.000.232-9
Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Funcri), CNPJ. 17.820.984/0001-50
O telefone para informações é Cmdca: (19) 3885-7700 – Ramal 7753.

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Jornalzen de dezembro

Começou a circular ontem em Indaiatuba e região, mais uma edição do Jornalzen.

TV Indaiá exibe espetáculos da cidade em especial de fim de ano

Do dia 15 ao dia 19 de dezembro, às 20h00, a TV Indaiá (canal 26 UHF) exibe seu especial de fim de ano, que traz os principais eventos da cidade. 
A programação começa na próxima segunda-feira, 15, com o espetáculo do Projeto Vidart, que ensina artes circenses para alunos e completou 10 anos em 2014. O público poderá rever os melhores momentos de duas das quatro apresentações que lotaram o Ciaei no mês de novembro.
Na terça-feira, 16, é a vez do Festival de Arte e Dança da Secretaria Municipal de Educação.
Em sua 4ª edição, o evento reuniu oito unidades escolares da Rede Municipal em um espetáculo que retratou o tema Sentimentos, trabalhando expressões corporais.
A apresentação de final de ano da Escola Osório Germano e Silva Filho, com a participação de mais de 400 alunos, é a atração da quarta-feira, 17.
Na quinta-feira, 18, o Vidart entra em cena novamente, dessa vez com o espetáculo inédito Uma Aventura no Fundo do Mar.
Por fim, na sexta-feira, 19, o clima natalino invade a tela. É hora de curtir tudo o que aconteceu na 3ª edição da Parada de Natal, que levou cerca de 70 mil pessoas às ruas da cidade, em duas noites de festa.
Essa é a primeira vez que uma emissora de TV local mostra na íntegra os principais eventos da cidade envolvendo crianças da rede municipal de ensino. 
Para acompanhar o especial e toda a programação local, sintonize a sua televisão no canal 26 UHF. Para aproveitar melhor o sinal, direcione a sua antena para a caixa d’água do SAAE da Vila Avaí. Caso você ainda não tenha a antena UHF, acesse o site www.tvindaia.com.br e assista a transmissão simultânea.

Especial de Natal TV Indaiá
15/12, 20h – 10 anos do Projeto Vidart
16/12, 20h – 4º Festival de Arte e Dança
17/12, 20h – Apresentação de Final de Ano da EMEB Osório Germano e Silva Filho
18/12, 20h – Projeto Vidart: Uma Aventura no Fundo do Mar
19/12, 20h – 3ª edição da Parada de Natal.

Atleta de Indaiatuba é campeã paulista de hipismo com desempenho no ‘top ten’

Divulgação.
A atleta de hipismo de Indaiatuba Vera Gonzales, apoiada pela Secretaria Municipal de Esportes, conquistou o título de campeã paulista na categoria Escola Principal, com obstáculos a 0,90m de altura. O feito foi garantido após a somatória de 202,50 pontos obtidos pela amazona com o cavalo Karenina no Top Ten Salto Iniciante, disputado de 5 a 7 de dezembro na Sociedade Hípica de Campinas. No torneio, o município também foi campeão por equipes com a participação dos conjuntos Fernanda Faria Zagato com Asper e Rogério Cavalcante com Argus.

Indaiatuba garante 3º lugar no Campeonato Brasileiro de Enduro Equestre
Outra conquista do município no hipismo foi o terceiro lugar alcançado por Natália Messias no último dia 6, em Brasília, no Campeonato Brasileiro de Enduro Equestre. A amazona, que é a atual campeã do ranking brasileiro, disputou a prova na categoria 120km Young Riders. O evento reuniu cerca de 130 atletas de todo o país e foi marcado por muita chuva.

Campinas ganha loja de roupa masculina com conceito lounge wear

Divulgação.
Chega ao Cambuí a Imperial Made, marca de roupas masculinas que se apresenta aos campineiros com uma festa de inauguração para convidados no dia 16 de dezembro, das 20h às 23h.
Além de muita gente bonita, o coquetel de inauguração conta com o DJ Marcel Trindade, finger food e bebidas variadas, sorteio de dois vales-compra no valor de R$500,00 em produtos da loja e, como grande atração, a presença do artista plástico André Berardo, que vai pintar uma tela ao vivo e com muitas cores ao longo do evento.  

O conceito lounge wear
A loja, que já existe na vizinha Americana, oferece o conceito lounge wear, que combina comércio de roupas com um lounge. O objetivo é oferecer um ambiente descontraído, onde todos os estilos podem se encontrar. Mais do que uma loja, a Imperial Made quer oferecer um lugar onde se possa tomar uma cerveja, encontrar os amigos e relaxar.
A iniciativa de abrir a loja conceito em Campinas e seguir com um plano ambicioso de expansão pelo Brasil vem de sete jovens sócios empreendedores, todos de Americana. A marca planeja estar entre os grandes nomes nacionais e ser referência para novos empreendedores e entusiastas.
O idealizador da marca, Ricardo Bragalha, apresenta quinzenalmente novos modelos, que têm edição limitada. As criações são baseadas no conceito lounge, que transmite uma atmosfera descontraída e elegante ao mesmo tempo, contemplando os estilos social, casual, extravagante e funcional, com um gosto bastante refinado. "São peças para o dia a dia, bermudas de praia e sarja, camisetas, camisas sociais e casuais, aliando arte minimalista com temas que abrangem o universo masculino", explica Bragalha.

Diferenciais da marca
Os tecidos, malhas e outras matérias-primas da Imperial Made provêm de empresas 100% brasileiras com o foco nos mercados premium e exportação.
As oficinas são regionais. Modelistas e costureiros são valorizados com salários acima do praticado no mercado, a fim de garantir a qualidade dos produtos e inibir o trabalho escravo.
Todas as peças passam por lavanderias industriais que usam produtos biodegradáveis e possuem reutilização de água e tratamento de água para descarte. Cada ciclo dura aproximadamente duas horas a uma temperatura de 65 ºC. Isso garante o encolhimento total das peças para que o produto final não sofra nenhum encolhimento e/ou torção em lavagens domésticas. Os produtos chegam ao cliente com um toque mais suave do que a própria base (tecido/malha) e, também, perfumados.
Todo o acabamento, limpeza, passadoria e controle de qualidade são feitos dentro da empresa e os colaboradores são treinados para identificar qualquer avaria e certificar que o produto final esteja impecável.

Sobre a Imperial Made
A marca nasceu em 2007 como um hobby do fundador, Ricardo Bragalha. Foram lançados alguns modelos de camisetas e vendidas apenas para amigos e conhecidos, tanto homens quanto mulheres. O nome era apenas Imperial. O projeto ficou parado até 2010, quando Widmarck Jesse Guerra, amigo, designer e fã da marca, apresentou a nova logomarca com o sufixo Made (feito para um nobre), desta vez com o desenvolvimento dos produtos voltados para o público masculino. Em outubro de 2013, Bragalha abriu a primeira loja Imperial Made em Americana, em resposta à pesquisas que indicavam essa oportunidade. Um ano depois, em outubro deste ano, seis amigos usuários e fãs das roupas uniram-se a Bragalha para alavancar a expansão da marca, que começa com a unidade no Cambuí.
A loja de Campinas chega como a segunda de muitas outras que o grupo de jovens empreendedores planeja lançar no País. São sócios de Bragalha: Amyr Bethke Najar, Fabrício Macias Rodrigues da Silva, Gustavo Linarelli, José Antonio Luchiari Pisoni Duarte Fortunato, Sidney Maurício Nardini Neto e Silvio Orlando Moraes Junior.

Serviço
Inauguração da loja Imperial Made
Data: 16 de dezembro de 2014, das 20h às 23h
Endereço: Rua Dr. Emílio Ribas, 409, Cambuí, Campinas
Atrações: DJ Marcel Trindade, finger food e bebidas variadas, sorteio de dois vales-compra no valor de R$500,00 em produtos da loja e live painting com o artista André Berardo.

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Bastião promove 'hamburgada' às quintas-feiras

Divulgação.
O Bastião Restaurante, o mais brasileiro dos restaurantes indaiatubanos, está promovendo às quintas-feiras o mais americano dos pratos: o hambúrguer. Claro que à leitura não podia faltar a sofisticação e o capricho da casa - hambúrguer de carne Angus, queijo cheddar importado, bacon e cebolas caramelizadas, além das incríveis batatas rústicas, que são uma de suas marcas registradas, com temperos e especiarias específicos para o prato.

Cartões de Boas Festas

www.freeimages.com
O cartunista Moacir Torres manda seus votos de Boas Festas, assim como o sempre atencioso joalheiro Mauricio Monteiro. A vocês, pessoas queridas e talentosíssimos profissionais, meu muito obrigado, com um abraço carinhoso e desejos de que seu Natal seja singelo e aconchegante e seu 2015, cheio de conquistas e saúde.

Max Planck lança curso de Design de Moda

De acordo com a Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (ABIT), a indústria da moda brasileira reúne em torno de 30 mil empresas formais, movimenta cerca de R$50 bilhões ao ano, emprega 1,7 milhão de pessoas de forma direta e outras oito milhões de forma indireta e ainda representa 16,4% dos empregos e 5,5% do faturamento da indústria de transformação. Além disso, o Brasil é, atualmente, referência mundial em design de moda praia, jeanswear e homewear e vem se projetando, também, nos segmentos de fitness e lingerie. Diante desta realidade, o crescimento deste setor em Indaiatuba e região e a necessidade de formar profissionais qualificados a atender a gama de atividades relacionadas a este mercado levaram a Faculdade Max Planck a lançar o curso de Design de Moda.
Com duração de dois anos, o curso superior de Tecnologia em Design de Moda da Faculdade Max Planck foi elaborado em sintonia com as exigências do mercado e, de acordo com Ana Cláudia Almeida, procuradora institucional do grupo Polis Educacional (ao qual a Max Planck pertence), a grade curricular será composta por disciplinas práticas e específicas da área e abordará desde a criação até o ponto de venda, passando por áreas como desenvolvimento de coleção, laboratório de costura, desfile, entre outras. "Para isso, contaremos com laboratórios bem equipados, para suprir a necessidade dos discentes, propiciando o desenvolvimento de um olhar criativo em relação à matéria-prima, processos e novos produtos", ressalta.
Outra vantagem deste formato de curso é que, para que haja uma rápida inserção no mercado de trabalho, a cada módulo cursado o aluno recebe um certificado, que equivale ao de assistente de Criação, que lhe possibilita, mesmo sem ter terminado o curso ainda, atuar na área; paralelamente a isso ainda há o amparo da instituição com foco para a inserção dos alunos ao mercado de trabalho, como o NUCA (Núcleo de Carreiras). "Uma de nossas grandes preocupações é com o corpo docente, que será composto por professores com ampla experiência de mercado, de modo a ensinar aos alunos as atuais práticas", complementa a procuradora institucional.
Ainda segundo Ana Cláudia, o egresso do curso superior de Tecnologia em Design de Moda está capacitado a elaborar e gerenciar projetos para a indústria de vestuário e acessórios, considerando fatores estéticos, simbólicos, ergonômicos, produtivos e financeiros. Além disso, terá habilidade em desenvolver, em equipe, soluções de acordo com o perfil e objetivo estratégico do cliente, seja ele uma empresa de confecção e estilismo, loja ou rede de varejo da moda ou mesmo um cliente particular interessado em contratar assessoria de moda e imagem.
O vestibular para o curso de Design de Moda da Faculdade Max Planck já está com as inscrições abertas. Os interessados podem acessar o site no endereço http://www.seufuturonapratica.com.br/max ou solicitar informações pelo telefone (19) 3885-9900.

Números do setor no Brasil - referentes ao ano de 2013 (Fonte: ABIT)
Faturamento da cadeia têxtil e de confecção: US$58,2 bilhões;
Exportações (sem fibra de algodão): US$1,26 bilhão
Importações (sem fibra de algodão): US$6,76 bilhões
Investimentos no setor: US$1,6 bilhões (estimativa)
Produção média de confecção: 9,8 bilhões de peças; (vestuário + cama, mesa e banho);
Segundo maior empregador da indústria de transformação, perdendo apenas para alimentos e bebidas (juntos);
Segundo maior gerador do primeiro emprego;
Quarto maior parque produtivo de confecção do mundo;
Quinto maior produtor têxtil do mundo;
Segundo maior produtor e terceiro maior consumidor de Denim do mundo;
A moda brasileira está entre as cinco maiores Semanas de Moda do mundo;
Autossustentável em sua principal cadeia, que é a do algodão, com produção de 1, 5 milhão de toneladas, em média, para um consumo de 900 mil toneladas;  
Com a descoberta do Pré-sal, o Brasil deixará de ser importador para se tornar potencial exportador para cadeia sintética têxtil mundial;  
O Brasil é, ainda, a última cadeia têxtil completa do Ocidente, já que produz das fibras, como plantação de algodão, até os desfiles de moda, passando por fiações, tecelagens, beneficiadoras, confecções e forte varejo;  
Indústria tem quase 200 anos no País.

Sessão Solene homenageia funcionários-padrão e concede títulos honoríficos

O atleta de kickboxing Márcio José Navarro com o vereador Maurício Baroni
Bernardinetti
.
Com um anúncio inesperado da doação de um terreno para o Rotary e a Volacc, a Câmara sediou terça-feira (9), a Sessão Solene de Outorga de Títulos Honoríficos. A sessão homenageou com o título ‘Esportista do Ano’ o atleta de kickboxing Márcio José Navarro; com o título de Cidadã Indaiatubana a voluntária na luta contra o câncer Joanna Joly e com o título de Cidadão Benemérito Dr. Caio da Costa Sampaio o empresário Athos Mazzoni Sobrinho.
O vereador Maurício Baroni Bernardinetti, Athos Mazzoni Junior, Athos
Mazzoni Sobrinho
, o presidente da Câmara, Luiz Alberto Pereira e o prefeito
Reinaldo Nogueira.
A solenidade fez parte das comemorações dos 184 anos de Indaiatuba e teve início com as entregas, por parte do Executivo Municipal, da Medalha João Tibiriçá Piratininga ao professor Evans Fritsch e do título de Funcionário Padrão para Marilsa Aparecida de Souza (Secretaria de Segurança Pública), Carlos Alberto da Silva (SAAE), Luciana dos Anjos Silva Fanger (FIEC) e Rafael Hass (Seprev).
Na oportunidade, estiveram presentes o prefeito Reinaldo Nogueira, o vice-prefeito Antônio Carlos Pinheiro, o superintendente da FIEC João Martini Neto, o superintende do SAAE Nilson Alcides Gaspar, o superintendente do Seprev Antônio Correa, o presidente da Fundação Pró-Memória Antônio Reginaldo Geiss, o superintendente do Pró-Memória, Carlos Gustavo Nóbrega de Jesus e o presidente da Câmara, Luiz Alberto Pereira (Cebolinha), além de outras autoridades. 
Joanna Joly durante seu discurso, aplaudido de pé.
Após esta cerimônia, Cebolinha conduziu a Sessão Solene. No Plenário, estavam os vereadores Hélio Ribeiro, Massao Kanesaki, Antônio Sposito Junior (Toco), Bruno Arevalo Ganem, Gervásio Aparecido da Silva, Helton Antônio Ribeiro e Maurício Baroni. Todos os vereadores votaram favoravelmente aos projetos que permitiram a entrega de títulos nessa data.

Márcio Navarro
O líder do Governo na Câmara, o vereador Maurício Baroni, autor da Lei que possibilitou a homenagem, fez a primeira entrega da noite ao atleta Márcio José Navarro. Em sua justificativa para conceder a homenagem, Maurício falou sobre a trajetória do atleta, que leva o nome de Indaiatuba para o mundo, através das competições que participa.  Márcio agradeceu, lembrando o quanto esse reconhecimento é importante para a sua carreira e incentivo para muitos outros jovens.
Na oportunidade, o público foi surpreendido por um gesto do patriarca da família Navarro, Moacyr Navarro, que fez questão de agradecer a todos os vereadores e cada um dos presentes na mesa composta para a Sessão Solene pelo título concedido ao filho Márcio.

Athos Mazzoni Sobrinho 
A funcionária padrão da Prefeitura, Marilsa Aparecida de Souza, com o
secretário municipal de Administração, Núncio Lobo Costa e o prefeito
Reinado Nogueira.
Baroni também premiou o empresário Athos Mazzoni Sobrinho com o título de Cidadão Benemérito. O título criado pela Câmara é ofertado aos cidadãos que nasceram no Município, mas que prestaram relevantes serviços à população.
Em suas palavras de agradecimento, o homenageado disse que estava feliz pela honraria e emocionado porque conheceu pessoalmente Caio da Costa Sampaio, político que dá nome ao título que Athos Sobrinho recebeu. “Um político que honrou essa Casa de Leis”, disse.
O homenageado também falou sobre sua paixão pelo futebol e amor ao Esporte Clube Primavera. Disse ainda que guarda boas lembranças da indústria da família, a primeira de Indaiatuba e parabenizou o Município pelos 184 anos. Athos Mazzoni Junior, filho do homenageado, também recebeu um mimo durante a cerimônia.

A funcionária padrão da FIEC, Luciana dos Anjos Silva Fanger, com o
superintendente da fundação, João Martini Neto e o prefeito Reinaldo
Nogueira
.
Cebolinha
O vereador Cebolinha fez a entrega do título Cidadã Indaiatubana à sra. Joanna Victoria Ferreira Joly, fundadora da Volacc e uma das cidadãs mais engajadas do Município na luta contra o câncer. “Amigo para festa é fácil. Mas na vida, precisamos de pessoas que nos acolham em momentos de dor, angustia e intranquilidade. E é isso que faz dona Joanna”, lembrou o presidente da Câmara, autor da Lei que deu à dona Joanna o título. Durante a entrega do título, o marido de Joanna, Geraldo Joly, também recebeu um mimo da Câmara.
De camisa cinza, à direita na foto, o funcionário padrão do SAAE, Carlos
Alberto da Silva
 .
Emocionada, Joanna fez seu discurso, lembrando da luta contra o câncer e falando de fé, perseverança e amor. Ao encerrar, foi aplaudida de pé pelo público presente. “Só Deus pode dizer o quanto dona Joanna é importante para a nossa cidade. Espero que Indaiatuba tenha a oportunidade de encontrar novas ‘Joannas’. ‘Joannas’ que até no nome têm a palavra vitória”, disse Cebolinha em suas palavras finais.

O funcionário padrão do Seprev, Rafael HaasFotos: Rose Parra - ACS/SAAE.



Terreno para Volacc e Rotary
Ao final da cerimônia, o prefeito Reinaldo Nogueira fez um anúncio mais que esperado por todos e, principalmente, por Joanna Joly e Reginaldo Geiss: a doação de um terreno, localizado próximo ao Parque Ecológico, que servirá de sede para Volacc e Rotary. O projeto será encaminhado à Câmara para ser votado pelos vereadores ainda antes do recesso parlamentar, marcado para ter início dia 16 de dezembro.