Para pensar:

"Esta vida é uma estranha hospedaria,
De onde se parte quase sempre às tontas,
Pois nunca as nossas malas estão prontas,
E a nossa conta nunca está em dia."

Mario Quintana

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Quarteto Bolling apresenta-se no teatro do SESI Amoreiras

Foto: Iracema Florêncio - Divulgação.
Vem ao teatro do SESI Campinas Amoreiras o Quarteto Bolling, em concerto que apresenta ao público a obra Suite for Cello & Jazz Piano Trio, de Claude Bolling. O compositor é considerado o responsável pela renovação do jazz tradicional na década de 1960 e o criador da fusão jazz–erudito. A apresentação será realizada na cidade no dia 25 de outubro, sábado, às 20h, com entrada gratuita.
A suíte de Claude Bolling, concebida para trio de jazz e violoncelo (o instrumento solista nessa formação), é composta por seis movimentos de formas contrastantes da música de concerto. Barroco romântico e lírico agitado, entre outros, mesclam-se com elementos do jazz, como a improvisação.
Claude Bolling, compositor francês, é considerado um dos mais versáteis músicos de seu país atualmente. Entre suas atribuições, constam arranjador, pianista e líder de orquestra. Foi discípulo de jazzistas renomados, mas sua principal inspiração foi o amigo Duke Ellington, ícone do jazz americano.
Formado por Gretchen Lydia Miller (violoncelo), Mariô Rebouças (piano), Mauricio Xavier Florêncio (contrabaixo) e Edinei Donizete Lima (bateria e percussão), o Quarteto Bolling há mais de 12 anos executa obras do grande artista francês, buscando difundir suas composições para públicos em que ainda não é tão conhecido.

Ficha Técnica
Violoncelo: Gretchen Lydia Miller
Piano: Mariô Rebouças
Contrabaixo: Mauricio Xavier Florêncio
Bateria e percussão: Edinei Donizete Lima

Repertório
Suite For Cello & Jazz Piano Trio
Autor: Claude Bolling
Movimentos:   
Baroque In Rhythm
Concertante
Galop
Ballade
Romantique
Cello Fan

Serviço
Local: Teatro do SESI Campinas Amoreiras - Av. das Amoreiras, 450, Pq. Itália, Campinas
Data e horário: 25 de outubro, sábado, às 20h
Duração: 60 minutos
Capacidade: 366 lugares e 08 para cadeirantes
Classificação indicativa: livre
Gênero: música erudita e popular
Informações: (19) 3772-4100
Entrada gratuita – os ingressos serão distribuídos na semana do espetáculo na Secretária Única do SESI Campinas Amoreiras às quartas e quintas, das 8h às 20h e às sextas e sábados das 8h às 16h.
No dia do espetáculo, duas horas antes da sessão, os ingressos restantes serão distribuídos na entrada do teatro, sem a possibilidade de escolha de lugar.

A Real promove Festival de Sonhos no dia 30


Shopping Jaraguá Conceição promove campanha de doação de cabelos com cortes gratuitos

Adicionar legenda
A doação de cabelo é um gesto de desapego e solidariedade com o próximo e pode trazer de volta o sorriso escondido pelo tratamento contra o câncer. Para resgatar a alegria e melhorar a autoestima dessas mulheres que passam por esse processo difícil da perda dos fios, o Shopping Jaraguá Conceição promove, no dia 29 de outubro, a campanha Doação de Cabelos.
A ação, que acontece das 9h às 19h no Antony Beauty Center, é uma parceria do Shopping Jaraguá com o salão. Os cabeleireiros estarão no local para realizar os cortes gratuitamente para aqueles que desejam doar seus cabelos.
O tamanho mínimo para a doação dos fios é de 20 cm e os cabelos tingidos e quimicamente tratados também podem ser doados. As mechas arrecadadas serão encaminhadas à AVCC (Associação Voluntária de Combate ao Câncer) e servirão para a confecção de perucas para quem luta contra a doença.

Serviço
Campanha Doação de Cabelos
Local: Salão Antony Beauty Center do Shopping Jaraguá Conceição - Loja 9 - Rua Conceição, 233, Centro – Campinas
Data: 29 de outubro
Horário: das 9h às 19h.

Sinfônica de Campinas apresenta-se em igrejas neste fim de semana

www.osmc.com.br
A Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas faz duas apresentações gratuitas nesta sexta e no sábado, 24 e 25 de outubro, às 19h30 nos dois dias, como parte do programa Concerto nos Bairros. A orquestra aproveitará a acústica das igrejas e fará as apresentações na Igreja Nossa Senhora de Aparecida, no Jardim Proença e na Igreja Nossa Senhora Imaculada, no São Bernardo.
O maestro será o suíço Karl Martin, que veio, a convite, reger a sinfônica no nono concerto oficial da temporada, no fim de semana passado. O solista Jairo Wilkens estará na clarineta e as vozes serão do coral do Collegium Vocale, regido por Akira Kawamoto. A entrada é gratuita.
No programa estarão obras como a Sinfonia nº 5, K. 22, Si bemol maior, do compositor Wolfgang Mozart; Cinco Bagatelas para Clarineta e Orquestra, do inglês Gerald Raphael Finzi e Dettigen Te Deum, do alemão Georg Firedrich Handel.  
A Sinfonia N º 5 em B bemol maior, K. 22 foi composta por Mozart em dezembro de 1765, quando ele tinha apenas nove anos. A obra é dividida em três movimentos. O primeiro é empolgante e abre a sinfonia, seguido por um movimento mais solene que se torna mais profundo no terceiro movimento e segue até o final.
As obras de Finzi, incluindo a Cinco Bagatelas, são consideradas de surpreendente beleza, com uma melancólica nostalgia.
Dettingen Te Deum é considerada uma das mais aclamadas obras de Handel. Uma imponente cantata, que chegou a ser adotada por várias nações como um hino de júbilo, que celebra o fim do tormento e das aflições de qualquer tipo de guerra, seja física ou espiritual.

Karl Martin
O regente nasceu em Zurique, na Suíça e estudou música no Conservatório de Genebra, em Paris. Seu repertório vai do contemporâneo ao clássico, do século XVII até a Segunda Escola de Viena, incluindo autores como Handel, Beethoven, Wagner, Debussy e Ravel.
 Apresentou Brahms e Rachmaninov em turnê com a Orquestra Sinfônica NHK de Tóquio e programas variados com as maiores orquestras suíças, italianas, alemães, escandinavas, sul-americanas e japonesas. De 1980 a 1997, foi maestro titular da Orquestra e diretor musical do Teatro Massimo em Palermo. De 1996 a 1999, foi regente principal da Orquestra Haydn de Bolzano, na Itália. Ministra cursos de formação orquestral na Universidade de Showa, em Tóquio.

Programa
W.A.Mozart: Sinfonia No.5, K.22, Si bemol maior
G.R.Finzi: Cinco Bagatelas para clarineta e orquestra
G.F.Handel: Dettingen Te Deum (HWV 283)

Jairo Wilkens, Clarineta
Collegium Vocale Campinas (regente: Akira Kawamoto)
Karl Martin, Regente

Concerto nos Bairros
Data: 24 de outubro, sexta
Horário: 19h30
Local: Igreja Nossa Senhora de Aparecida - Avenida Arlindo Joaquim de Lemos, 110, Jardim Proença, Campinas
Entrada gratuita

Data: 25 de outubro, sábado
Horário: 19h30
Local: Igreja Nossa Senhora Imaculada - Rua Elias Lobo Neto, 666, São Bernardo, Campinas
Entrada gratuita.

Desfile ‘Moda e Inclusão Social’ arrecada aproximadamente 17 mil para a APAE Itu

Divulgação
A edição 2014 do projeto Moda e Inclusão Social – A Mistura Que Deu Certo foi um sucesso. O desfile, realizado na quinta-feira, dia 16 de outubro, levou mais de 400 pessoas ao Itu Plaza Hotel, entre pagantes e convidados. Ao todo, foram arrecadados aproximadamente 17 mil reais com a venda de convites, que serão totalmente revertidos para APAE Itu (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais).
O evento contou também com a presença da modelo Ellen Jabour. Voluntária no projeto pela segunda vez, a modelo entrou na passarela com os alunos da instituição, ponto alto do desfile que busca a inclusão de pessoas com deficiência intelectual. “Sinto-me uma espécie de madrinha na passarela. Fiquei emocionada, apoiando cada um deles”, disse.
Na preparação para o desfile, a entidade trabalhou com os alunos todos os recursos necessários para que eles pudessem subir na passarela. No dia do evento, fizeram cabelo, maquiagem e desfilaram looks das lojas participantes. O projeto apresentou as novidades para a Primavera/Verão de cinco lojas da cidade: Carmen Steffens, Crys Filó, Danieli Niéri, Jeans Shop e Vivian Modas.
Para a realização da sétima edição, o projeto contou com o apoio e o patrocínio das seguintes empresas e profissionais da região: Agência Propag, Anjos da Guarda Segurança, Baguleke Buffet Infantil, Bruna Zufelatto Cerimonial e Eventos, Emeb, Cerâmica Ibetel, Empresas Maggi, FC Incorporações, Feminine Hair & Esthetics, Fish Company, Flox Floricultura, Gazzola Faus Advocacia, Guará Filmes, Granova Prata Empreendimentos Imobiliários, Incomparável - Edge Fitness Itu, Innovata Farmácia de Manipulação e Homeopatia, Império das Peças, Itu Plaza Hotel, Mantovani Ristorante, Dona Maria Bolacha, Gráfica Masilar, Manhattan Cambio e Turismo, Miss Schuster, Pantera Alimentos, Platamorma 5 - Som, Luz e Imagem, Pimenta Rosa Buffet, Piza de Toledo, Pollux Comunicação e Design, Rodrigo Tarossi Sociedade de Advogados, Rossana Cerello Arquitetura e Interiores, Sigma Six Comunicação, Stratus Pesquisa e Consultoria, Tabata Boccatto, Taperá Tintas, Tiffany Flora e Floricultura, Única Corretora de Seguros, Vila Garden e dos fotógrafos Jana Navarro e Juca Ferreira.  

O projeto
O desfile Moda e Inclusão Social – Mistura Que Deu Certo surgiu em 2010, por iniciativa de três jovens empresários – Danieli Nieri, Fernando Augusto Campiteli e Juliana Cavalheiro – que se reuniram para organizar desfiles e mostrar as tendências de moda em Itu. A ideia de transformar o desfile em uma ação social surgiu já na primeira edição e desde então o evento tem crescido em número e expressividade.
Neste ano os organizadores receberam da instituição o “Certificado Amigo da APAE”, uma homenagem prestada a voluntários que ajudam a contribuir para a manutenção das atividades desenvolvidas pela instituição.

Praça do Chafariz recebe atrações do Outubro Literário neste sábado

Foto: Eliandro Figueira – SCS/PMI.
A Praça Elis Regina, conhecida pelos moradores de Indaiatuba como Praça do Chafariz, receberá no próximo sábado (25), as atrações gratuitas do festival Outubro Literário, da Secretaria Municipal de Cultura. Além da oportunidade de renovar a estante sem gastar nada na Feira de Troca de Livros, os visitantes poderão conferir trechos de obras de William Shakespeare no projeto Shakespeare nas Praças, incluindo A Megera Domada, Sonho de Uma Noite de Verão e Romeu e Julieta. Outro destaque será a iniciativa Vende-se Poesia de Graça!, em que escritores praticarão seu ofício em plena praça pública e distribuirão versos e poemas improvisados. A agenda do evento traz ainda palestra com Ricardo Lísias e uma edição especial do sarau Todas Palavras, com o lançamento dos livros A Puta, de Márcia Barbieri e Maldito Diário, de Lalo Arias. Confira a programação completa abaixo e prestigie os eventos com a família e os amigos, a entrada é franca. Informações: (19) 3894-1867.

Programação Outubro Literário 2014
Dia 23 de outubro – quinta-feira – 19h às 20h30 – Centro Cultural Wanderley Peres
Prefácios, com Ricardo Lísias
Prefácios é uma das ações da Secretaria da Cultura voltadas para o fomento da literatura; uma oportunidade para que o público debata com estudiosos da literatura questões ligadas ao rico e vasto mundo dos livros. Ricardo Lísias é graduado em Letras pela Unicamp e doutor em Teoria e Crítica Literária pela USP. Ficcionista, publicou cinco romances, um livro de contos e um e-book com textos de crítica literária. Publicou textos e artigos nos principais periódicos brasileiros da área. Seus textos já foram traduzidos para o inglês, francês, espanhol, galego, alemão e hebraico. Foi finalista do Prêmio Jabuti de 2008 com Anna O. e outras novelas e do Prêmio São Paulo de Literatura em 2010 com O livro dos mandarins. Seu conto Tólia foi selecionado para a edição “Os melhores jovens escritores brasileiros”, da revista inglesa Granta. Publicou os romances Cobertor de estrelas, Duas praças, O livro dos mandarins, O céu dos suicidas e Divórcio e o livro de contos Anna O e outras novelas.

Dia 25 de outubro – sábado – 9h às 12h – Praça Elis Regina (Chafariz)
Feira de Troca de Livros
A Feira de Troca de Livros é uma ótima oportunidade para quem gosta de ler e quer renovar a estante sem gastar nada. Basta trazer um livro de literatura e trocar por outro de interesse que esteja disponível na banca. Há sempre opções interessantes para todas as faixas etárias.

Dia 25 de outubro – sábado – 11h às 12h – Praça Elis Regina (Chafariz)
Shakespeare nas Praças

Em comemoração aos 450 anos de nascimento do poeta William Shakespeare, as praças e locais públicos da cidade serão palco de intervenções artísticas com trechos de algumas obras de William Shakespeare: A Megera Domada, Sonho de uma Noite de Verão, Romeu e Julieta e A Comédia dos Erros, representadas por atores e não atores a fim de divertir e proporcionar aos transeuntes  um momento de deleite e cultura. Elenco: Alê Calefo, Beatriz Balthazar, Beatriz Souza, Mayara Ribeiro, Tamires Munhóes, Paulo C. Feijão, Kátia N. Feijão, Larissa Stocco, William Scodro, Natália Oliveira, Ludimilla Fidelly, Natália Galini, Andrei Salas. Direção: Bárbara Gaschler.

Dia 25 de outubro – sábado – 10h às 12h – Praça Elis Regina (Chafariz)
Vende-se Poesia de Graça!
Evento em que escritores praticarão seu ofício em plena praça pública. Com seus instrumentos de escrita à mão, distribuirão versos e poemas improvisados para os passantes que comprarem esta ideia. 
Escritores: Lucas Fernandes Chagas, interessado por Literatura e artes em geral, é poeta diletante desde sempre. É formado em música pelo Instituto de Artes da Unesp. É professor de música e violão e como músico apresenta-se em teatros, espaços culturais e escolas de música. Fez cursos de expressão teatral e integrou o Grupo Gandaiá, pelo qual se apresentou em praças públicas e visitas voluntárias a instituições beneficentes. Nascido em Porto Alegre-RS, mora em Indaiatuba desde 1988. Foi aqui que iniciou seus estudos artísticos: foi aluno da oficina de violão da Secretaria da Cultura, com o professor Fidel de Almeida e, posteriormente, do professor Moacyr Martins.

Dia 27 de outubro – segunda-feira – 16h às 19h – Linha de ônibus
Dia 27 – Linha 322 – Jardim Brasil/Morro Torto/Aldrovandi  
Poesia em Trânsito
Performances poéticas dentro de ônibus de Indaiatuba. Entre idas e vindas, em meio aos fluxos que a vida nos impõe, encontramos palavras. Dentre as várias palavras que nos perpassam todos os dias, algumas nos colocam em outra dimensão. Como se da vida pudéssemos extrair algo além do mero cotidiano, algo além do visto pelos olhos. Distribuir essas palavras é a intenção do Palavras em trânsito, que levará poesia para um dos lugares mais comuns e inesperados: o ônibus. No meio de suas viagens aparentemente comuns, os passageiros serão surpreendidos por poemas de grandes nomes da poesia brasileira recitados por artistas que, até então, eram passageiros como quaisquer outros.
Os artistas:
Marcus Mazieri é ator e poeta. Faz parte do Grupo Gandaiá, que realiza atividades artísticas em Indaiatuba desde 2008. Integra também o coletivo teatral Cia Trova 8. Foi premiado duas vezes na categoria poesia no Prêmio Acrísio de Camargo (2011 e 2012) e finalista em poesia do Mapa Cultural Paulista 2012. Publica poemas e artigos no blog mmazieri.blogspot.com . Marcus, graduado em Geografia pela Unicamp, formou-se como ator no curso de Humor da SP Escola de Teatro, onde atualmente dá continuidade aos estudos no curso de Dramaturgia.

Pamella Martelli é atriz, arte-educadora e contadora de histórias. Graduada em Teatro pela Escola Superior de Artes Célia Helena e atualmente aprendiz de Dramaturgia na SP Escola de Teatro. É integrante do coletivo de Jongo Filhos da Semente, de Indaiatuba. Seus estudos em teatro se iniciaram em 2001, na Cia. Cena Set, em Alfenas-MG. Pamella já participou de montagens dirigidas por Eduardo Okamoto, Daves Otani, Ruy Cortez, Marco Antônio Pâmio e Bete Dorgam. Em 2013 estreou, com Marina Costa, a contação da história Dandara, de Vanderlei Benedito Bastos, no SESC São Carlos.

Dia 30 de outubro – quinta-feira – 19h – Casarão Pau Preto
Sarau Todas Palavras Edição Especial & Lançamento dos Livros A Puta, de Márcia Barbieri e Maldito Diário de Lalo Arias
O sarau é um evento cultural onde as pessoas se encontram para se expressar ou se manifestar artisticamente. O evento integra as iniciativas permanentes da Prefeitura Municipal com foco na formação do público leitor e no fomento da cena literária em Indaiatuba. Quem tiver interesse em ler para a platéia, pode se inscrever pelo e-mail cultura@indaiatuba.sp.gov.br. Podem ser lidos trechos de obras literárias de qualquer gênero, à escolha do participante, com duração média de 10 minutos.  

Márcia Barbieri é paulista, formada em Letras e mestranda em Filosofia. Tem textos publicados em várias antologias e nas principais revistas literárias brasileiras. Publicou os livros de contos Anéis de Saturno (independente), As mãos mirradas de Deus (Multifoco) e o romance Mosaico de rancores (no Brasil pela Terracota e na Alemanha pela Clandestino Publikationen).

Lalo Arias nasceu em São Paulo pelos idos dos anos 1950. Foi de tudo um pouco, inclusive fazedor de hambúrgueres especiais. Escreve desde que aprendeu a escrever. Foi andarilho e escrevinhador de manuais técnicos. Hoje em dia “vive de rendas, isto é, vive de fazer toalhas e colchas de renda”. Publicou dois livros de poesia: Cidade Desaparecida (Scortecci, 2010) e Cartas para Naíma (Editora Patuá, 2013).

Serviço
Casarão Pau Preto - Rua Pedro Gonçalves, 477 – Jardim Pau Preto
Centro Cultural Wanderley Peres – Praça Dom Pedro II, s/n – Centro
Praça Elis Regina (Praça do Chafariz) – Av. Eng. Fábio Roberto Barnabé, 1531.

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Feira de trocas na Fundação Ema Klabin

Foto: divulgação.
No dia 25 de outubro (sábado), das 14 às 16h30, a Fundação Ema Klabin promove a sua Terceira Feira de Trocas.  O Projeto Miudezas convida o visitante a trocar pequenos objetos de afeto que queiram compartilhar com outros participantes.
“A escolha de qual miudeza será trocada é livre; pode ser um livro, um brinquedo, uma pedra, um poema. O objeto apenas precisa ter um significado, uma história afetuosa a ser partilhada”, explica a educadora da Fundação Ema Klabin, Paloma Durante.
Durante a Feira de trocas, a Casa Museu estará aberta para visitação.  A Fundação Ema Klabin abriga um valioso acervo de mais de 1.500 obras, entre pinturas do russo Marc Chagall, do holandês Frans Post, talhas do mineiro Mestre Valentim, mobiliário, peças arqueológicas e decorativas.  Após a feira, às 16h30, o público pode conferir, também com entrada franca, um show de música turca com Leonardo Jeszensky.

Serviço
Feira de Troca: Projeto Miudezas
Data: 25 de outubro
Horário: das 14 às 16h30
Indicação: A partir dos 7 anos
Entrada franca
Fundação Ema Klabin - Rua Portugal, 43, Jardim Europa, São Paulo
http://emaklabin.org.br/.

Projeto ‘Vidart’ completa 10 anos e prepara apresentação especial

Crédito: Arquivo Laís Fernandes - SCS/PMI.
Com saltos, cores, música, alegria e acrobacias. É assim que cerca de 750 alunos da rede municipal de Indaiatuba desenvolvem habilidades artísticas com o projeto de arte circense Vidart. Este ano, a Secretaria Municipal de Educação comemora os 10 anos do projeto e, para consagrar a data especial, haverá apresentações nos dias 12 e 13 de novembro às 19h30 no Ciaei (Centro Integrado de Apoio a Educação de Indaiatuba) com o espetáculo 10 Anos de Vidart. Nos dias 19 e 20 de novembro, os espetáculos foram marcados para as 19h com As Aventuras no Fundo do Mar, também no Ciaei.
Na ponta da história do Vidart está o sonho de um casal de professores, Jader Ferreira de Moraes e Fernanda Vignoto Scicia de Moraes. Eles elaboram o projeto de arte circense e o implantaram em 2004 na EMEB ‘Profª Eliazabeth de Lourdes Cardeal Sigrist’, no Jardim Morada do Sol. Mas antes de chegar ao Vidart, Jader iniciou sua história de acrobacias ainda criança. “Minha vida esportiva começou aos 9 anos de idade com a ginástica olímpica e fui evoluindo. Na fase adulta comecei a treinar na equipe de Campinas e foi lá que sofri uma grave lesão no joelho e fiquei em uma luta para continuar na área. Foi então que comecei com o trabalho de recreação e me liguei ao trabalho artístico, me especializando no assunto”, explica Jader. “Quando conheci minha esposa (Fernanda de Moraes), ajudava em um projeto de música para as crianças da EMEB Elizabeth Sigrist, com coreografias e malabares. Foi então que nos unimos como casal e ela me motivou a desenvolver um projeto somente de circo. A Fernanda ficou com a parte pedagógica do projeto e eu com a parte prática. Tudo se iniciou em agosto de 2004”, relata Jader.
Inicialmente os alunos escolhidos para o projeto eram dos 4º e 5º anos que apresentavam dificuldades de comportamento em sala de aula, como déficit de atenção e dificuldades motoras. Para permanecer no projeto era preciso apresentar bons resultados em classe. Todo começo é difícil e com o Vidart não foi diferente. “Trabalhava na época com praticamente uma mochila. Tinha bolinhas de tênis, uma perna de pau e um monociclo. Assim iniciei ensinando a parte primaria acrobática e foi dessa forma que o Vidart começou. Atendíamos 30 alunos por período sempre buscando aqueles com mais dificuldades sociais, indicações dos professores e alguns com baixa alta estima”, relembra o professor.
Em 2005 a proposta do projeto foi ganhando forma e a intenção era atender 20% da massa escolar. “Naquele ano o Vidart passou a fazer parte da rede municipal de ensino, incluindo o projeto no currículo escolar. A primeira atividade de encerramento de ano foi a ‘circo-olimpíadas’, onde os alunos faziam competições de bamboleado; perna de pau; corda jogando bolinhas de malabares; voltas com monociclo; corrida de tambor e corrida de rolo”, diz Jader.
Em 2006 os alunos do Vidart já estavam prontos para o primeiro espetáculo, com tema O Circo Novo; a história falava sobre uma garota que morava em um orfanato e queria sair dali, pois a governanta da casa era uma pessoa má. Em um dos sonhos, ela consegue sair do orfanato e chegar ao Circo Novo. No retorno da fantasia a garota se torna uma pessoa mais feliz e consegue transformar o mau em bom. “Com a chegada dos espetáculos, começamos a ganhar apoio da comunidade e os pais e familiares ajudavam na produção das fantasias e cenários. Muitos davam ideias para as apresentações e apoiavam o desenvolvimento artístico dos filhos. Mas em contraponto, também tinham familiares que não apoiavam o projeto e esse foi o grande desafio: mostrar para a comunidade que o Vidart, além de ser um projeto artístico, oferecia um ganho pedagógico e esportivo”, explana Jader de Moraes.
No ano seguinte, os alunos do projeto apresentaram no final no ano, como encerramento das atividades, o espetáculo Saltimbanco. A essa altura, o Vidart já alcançava cerca de 300 alunos. “Em 2007 trabalhei a questão da história do circo; como os artistas se encontravam e se apresentavam nas ruas. Em 2008 fizemos o espetáculo Vida, que falava sobre as mudanças climáticas. Naquele ano expandimos o Vidart para a EMEB ‘Profª Renata Guimarães Brandão Anadão’, de período integral”, esclarece Jader, que continua: “Em 2009 finalmente chegamos ao ápice das apresentações com o grande espetáculo África Mágica.
Aquele evento reuniu palhaços, malabares, acrobacias sobre andaimes, dança, trapézio, jump, tecido, barras de equilíbrio, pista acrobática, contorcionismo, monociclo, aro, roda de equilíbrio e pernas de pau em uma história envolvente. A aventura na África foi em torno do menino Kimbá, que brincando na floresta encontrou uma máscara com a cara de uma girafa. Mas ele não sabia que há milhares de anos essa máscara, que pertencia ao Rei da tribo Zulú, havia sido perdida após um ataque da Mama África no qual destruiu toda a tribo. Ao colocar a máscara em seu rosto, Kimbá viajava no tempo e encontra Zazú, um macaco feiticeiro que protegeu Kimbá na tribo de seus antepassados e o coroou como Rei. A coreografia foi de Jader Morais, Ednaldo Brasil, Jimena Zoppi, José Felipe Melussi, Fernando de Lima e Mônica Angelucci.
Em 2010 o espetáculo foi O vale Encantado da Terra do Nunca e o último ano de participação do professor Jader teve como tema O Pequeno Príncipe em 2011. A escolha do tópico aconteceu pela oportunidade de aproximar ao máximo a atividade pedagógica da atividade circense por meio de uma clássica obra literária. O livro Pequeno Príncipe aborda temas que são atuais, como a busca pelo conhecimento, a valorização do ser e os valores morais da construção do ser humano, o que o tornou um tema educativo. “Todas as histórias que eu desenvolvi tinham relação com o que eu sentia; sempre desejei ser pai e as histórias refletiam a busca por uma criança. O espetáculo do Pequeno Príncipe foi quando minha esposa ficou grávida e materializou a espera do meu pequeno príncipe. Esse foi meu último show”, revela Jader e continua. “Fico feliz em ver o Vidart do tamanho que está. Ainda colho frutos deste projeto e não pude continuar, pois atualmente tenho uma empresa a qual toma muito tempo. Minha maior alegria foram os alunos, pois erámos uma família. Ainda passo pela comunidade e recebo um carinho enorme de todos”, salienta.
Após a saída do professor Jader de Moraes, a Secretaria de Educação continuou com o Vidart e apresentou em 2012 os espetáculos Sítio do Pica Pau Amarelo e Brincando no Picadeiro; as apresentações foram divididas por escola. Em 2013 os espetáculos foram Os Guardiões e a Noite de Natal e Deu a Louca em Madagascar.
Atualmente o Vidart é feito em seis unidades escolares: EMEB “Profª Maria Ignês Pinezzi”; EMEB “Profª Maria Benedicta Guimarães”; EMEB “Padre Joaquim Aparecido Rocha”; EMEB “Profª Elizabeth de Lourdes Cardeal Sigirst”; EMEB “Prof. Wladimir Olivier” e EMEB “Profª Sylvia Teixeira de Camargo Sannazzaro”. Em todas estas escolas os alunos fazem aulas de malabares, diabolôs, chapéu chinês, perna de pau, acrobacias de solo, acrobacias coletivas, monociclo, trapézio fixo, tecido acrobático e dança. Para cada uma destas modalidades há uma metodologia e uma sequência específica de evoluções. Ao final de cada ano letivo o aluno conclui um ciclo de aprendizagem, que é demonstrado através de espetáculo, transformando alunos em verdadeiros artistas.
A diretora de Educação Física da Secretaria de Educação, Eliane Pismel, elucida sobre os ganhos do projeto para os alunos envolvidos. “A criança aprende que não está sozinha; ela depende do outro e tem que confiar no outro também. Isso é um aprendizado de vida e também na sala de aula. A parte motora vai se completando conforme as atividades são trabalhas no Vidart. Temos o registro do professor sobre a melhora do rendimento escolar das crianças que fazem parte do projeto; estas têm um aprendizado efetivo e uma melhora significativa na atenção”, conclui Pismel.

Apresentações 2014
O espetáculo 10 Anos Vidart será apresentado nos dias 12 e 13 de novembro às 19h30 no Ciaei. Os alunos das escolas municipais EMEB “Profª Maria Ignês Pinezzi”; EMEB “Profª Maria Benedicta Guimarães”; EMEB “Padre Joaquim Aparecido Rocha” e EMEB “Profª Elizabeth de Lourdes Cardeal Sigirst” apresentarão fragmentos dos momentos mais marcantes do Vidart durante sua trajetória. Nestes dias também acontecerão homenagens aos profissionais que fizeram parte do projeto.
O espetáculo As Aventuras do Fundo do Mar será nos dias 19 e 20 de novembro às 19h30 no Ciaei. Os alunos das escolas: EMEB “Prof. Wladimir Olivier” e EMEB “Profª Sylvia Teixeira de Camargo Sannazzaro” apresentarão coreografias sobre a falta de água e as dificuldades ao redor deste problema. Na história terá dois personagens que passam por diversas aventuras e também alguns problemas por conta da ausência de cuidado do homem com a natureza. As apresentações têm entrada gratuita.

Serviço
10 Anos Vidart
Dia: 12 e 13 de novembro
Horário: 19h30
Local: Sala Acrísio de Camargo no Ciaei (Centro Integrado de Apoio a Educação de Indaiatuba)
Endereço: Av. Engº Fábio Roberto Barnabé, 3.665, Jardim Regina
Entrada gratuita.

As Aventuras do Fundo do Mar
Dia: 19 e 20 de novembro
Horário: 19h30
Local: Sala Acrísio de Camargo no Ciaei (Centro Integrado de Apoio a Educação de Indaiatuba)
Endereço: Av. Engº Fábio Roberto Barnabé, 3.665, Jardim Regina
Entrada gratuita.

ACDC Campinas sedia o 1º Congresso Internacional de Microscopia

Foto: divulgação.
Visando aperfeiçoar o conhecimento dos cirurgiões-dentistas, a Associação Brasileira de Microscopia Operatória realiza, entre os dias 23 e 25 de outubro, o 1º Congresso Internacional de Microscopia – Abramo. O evento, que acontecerá na sede da ACDC Campinas, tem o intuito de explanar sobre a microscopia no Brasil e no mundo, além de fornecer uma visão mais detalhada e atual da periodontia, endodontia e de todas as especialidades odontológicas.
O congresso contará com a presença de palestrantes nacionais, além de profissionais da Ucrânia e Itália para compor programação científica. Os associados da Abramo poderão ainda participar de cursos exclusivos e gratuitos. Na ocasião, também será possível conferir a exposição das empresas Zeiss e a DFVasconcellos, fabricantes de Microscópios e da  TryHawk, Chico Trinks, Shick, Biostilo Uniformes e CVDentus.
O evento acontece devido à dedicação exclusiva de um grupo de dentistas brasileiros liderados pela Drª Claudia Cia Worschech, que é presidente da Associação Brasileira de Microscopia Operatória e fundadora da entidade, junto com renomados professores e dentistas brasileiros como Carlos Murgel, Débora Parra Sellera, Eudes Gondim, Claudio Julio Lopes e Carlos Bueno entre tantos outros.
Com o apoio da ACDC Campinas e da EAP, o evento tem o patrocínio da Zeiss, DFVasconcellos e Dental Press. A agência oficial do evento é a Faé Turismo. Os interessados em participar podem se inscrever através do site http://www.acdc.com.br/evento_1.php?id_evento=15&id_evento_pagina=32.

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

APAE lança 15ª Feira da Bondade

O presidente do Conselho da APAE, Caetano Fernando De Domenico, com a
presidente da Feira da Bondade, Mariza Müller e o presidente da APAE,
Gentil Pacioni Jr.
 A APAE Indaiatuba promoveu ontem no Fran’s Café o lançamento da 15ª Feira da Bondade, que acontecerá de 6 a 9 de novembro das 10h às 22h, no Pavilhão da Viber.
A diretora do Departamento de Eventos e presidente da Feira da Bondade, Mariza Bernardinetti Müller e o presidente da APAE Indaiatuba, Gentil Pacioni Jr., informaram aos patrocinadores, autoridades e imprensa presentes sobre o formato do evento para este ano.
Serão 120 expositores, com estimativa de público de 17000 pessoas.
Starão representados os segmentos de artesanato, calçados, semi-jóias, bolsas, roupas, doces caseiros, chocolates, perfumes e cosméticos, brinquedos, queijos, vinhos, brindes personalizados, balas de coco, produtos importados, móveis em madeira, lingerie, apiário e antiguidades.
Haverá também os bazares com promoções das lojas Princezinha, Suzzara, Eva Maria Store e Big Bazar do Bem, além de desfiles de moda com a participação das lojas Suzzara, Lojas Princezinha, Eva Maria Store, Uzza Acessórios, Shoe Shop Calçados, Cavalcanti e Fiori, Uni Duni Tê (outros expositores estão em negociação).
A Praça de Alimentação será formada pelos estandes da Associação Beneficente Irmã Dulce, Cirva, Centro Espírita Alvorada Cristã, Volacc – Voluntárias de Apoio no Combate ao Câncer e Grupo de Escoteiros Indaiá.
Mariza com o secretário municipal de Assistência Social, Luiz Henrique
Furlan
e a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do
Adolescente, Noêmia Giatti Roncato.
Atualmente a APAE de Indaiatuba atende através de três unidades: Escola de Educação Especial, Ambulatório e Oficina.
Escola de Educação Especial – com 208 atendidos, oferece Educação Fundamental, Educação Infantil, Educação de jovens e adultos e Oficinas Pedagógicas, incluindo, além de aulas com professor docente da classe, aulas de Educação Artística, Educação Musical e Educação Física.
Ambulatório – com 608 atendidos, oferece atendimento nas áreas de Psicologia, Terapia Ocupacional, Psicopedagogia, Fonoaudiologia, Fisioterapia, Hidroterapia, Cardiologia, Neurologia, Nutrição, Serviço Social, Otorrino e Odontologia, totalizando 6.000 atendimentos mensais.
A APAE oferece ainda na unidade escolar alimentação e transporte com dois ônibus, um micro-ônibus, duas ambulâncias, três Kombis e uma Ducato e, também para as duas unidades, oferece Assistência Social extensiva à família através do Serviço Social da Entidade.

6ª edição da Casa Cor Campinas enfatiza conceito de morar bem

Fotos: Jefferson Atibaia.
Em sua 6ª edição, a Casa Cor Campinas anuncia a participação de 57 profissionais e a criação de 37 ambientes. O evento acontece no Palácio do Bispo, no bairro Nova Campinas, entre os dias 22 de outubro e 7 de dezembro e mantém seu foco 100% no morar, com soluções voltadas para casas, apartamentos, lofts e estúdios. Após a realização do evento, a organização entregará o prédio à Cúria da Igreja Católica para que ele possa ser transformado no Museu Arquidiocesano de Arte Sacra de Campinas, permitindo, assim, a realização de um antigo projeto da arquidiocese campineira.
“Estamos muito felizes por poder contribuir para o resgate histórico desse espaço, reconstruindo e revitalizando um patrimônio de valor inestimado para a população de Campinas. Nosso objetivo é preservar a qualidade do ambiente para colocar à disposição das pessoas o acervo riquíssimo da Arquidiocese”, afirma Flávio Sanna, presidente do Grupo Casa Cor Interior SP.
Os 37 ambientes criados para a mostra deste ano traduzem o que há de mais moderno, prático e aconchegante no mundo da arquitetura e decoração. Suítes, livings, lofts, banheiros e jardins destacam as principais tendências do mundo da decoração. São revestimentos diferenciados, lustres sofisticados, tecnologia ponta e sustentabilidade – tudo em perfeita sinergia.
Os projetos contemplam uma diversidade de estilos e propostas, que vão do retrô ao contemporâneo, passeiam por tons neutros e vibrantes e apresentam toques rústicos e sofisticados.
Dois ambientes prestam homenagem a personalidades da cidade. A Praça Casa Cor foi criada como presente à empresária Betty Abrahão, ao passo que o Living faz deferência à dupla Chitãozinho e Xororó e às esposas dos cantores, Márcia Lima e Noely Lima.
Entre as novidades, um espaço lúdico exclusivo, o Doll’s Collection, que traz um quarto de um colecionador de bonecas orientais, campeãs de concursos de fotografias. Para os mais antenados, o banheiro ‘selfie’, para aqueles que desejarem caprichar nas fotos nos espelhos. Na Praça Casa Cor, containers totalmente reformados devem cair no gosto do público.
O Loft 03 tem como diferencial a tecnologia, que, inclusive, permanecerá no espaço após a mostra, como presente para a Sala de Restauro do futuro Museu Arquidiocesano de Arte Sacra.
Além das principais tendências do universo da decoração, o público vai contar com excelentes opções de gastronomia.  Na Praça do Café, um café inspirado nas delícias da Toscana. Para refeições completas, o Empório Vaticano oferece o melhor da gastronomia mediterrânea.

Serviço
Período: de 22 de outubro a 7 de dezembro
Horário de funcionamento:
Terça a sexta: das 16h às 21h30
Sábado, domingo e feriados: das 13h às 22h
Special Sale: 5, 6 e 7 de dezembro
Local: Palácio do Bispo - Av. Jesuíno Marcondes Machado, 799
Ingressos: R$38,00 (inteira) / R$19,00 (meia)
Mais informações:
www.casacor.com.br  www.facebook.com/casacorcampinas

Espetáculo ‘Ventamoinho’ chega ao teatro do SESI Campinas

Foto: Adriano Rosa.
Apresentando um repertório variado com sons da cultura popular brasileira, João Arruda se apresenta no SESI Campinas Amoreiras dia 24 de outubro, sexta, às 20h. A entrada é gratuita.
As vozes e os toques dos foliões de reis, aboiadores e brincantes estão presentes na música feita pelo jovem violeiro. O artista, que brinca com as sonoridades e com o público trazendo diferentes cores aos sons da cultura popular brasileira e da América-latina, apresenta músicas de seu mais recente trabalho Ventamoinho.
João já realizou diversos shows pelo Brasil, América Latina e Europa. Participa de diversos grupos artísticos e atua como produtor musical de CDs, além de compor trilhas sonoras para espetáculos, filmes e documentários. Integrou o Projeto Samarro’s Brazil na França e Itália realizando shows e gravações com o grupo de Pífanos Flautins Matuá.

Ficha técnica
Voz - João Arruda
Flautas e Voz - Esther Alves
Violão e voz - Marcelo Falleiros
Percussão e Voz - Adriel Job

Serviço
Espetáculo Ventamoinho
Local: Teatro do SESI Campinas Amoreiras - Av. das Amoreiras, 450, Pq. Itália
Data e horário: 24 de outubro, sexta, às 20h
Capacidade: 366 lugares, sendo 8 para cadeirantes
Gênero: música inspirada na cultura popular
Duração: 60 minutos
Classificação indicativa: Livre
Informações: (19) 3772-4100
Entrada franca – os ingressos serão distribuídos na semana do espetáculo na Secretária Única do SESI Campinas Amoreiras às quartas e quintas, das 8h às 20h e às sextas e sábados das 8h às 16h.
No dia do espetáculo, duas horas antes da sessão, os ingressos restantes serão distribuídos na entrada do teatro, sem a possibilidade de escolha de lugar.

Superintendente do Seprev é eleito presidente da Abipem

Foto: Eliandro Figueira.
O superintendente do Seprev (Serviço de Previdência e Assistência Social dos Funcionários Municipais de Indaiatuba), Antonio Corrêa, foi eleito presidente da Abipem (Associação Brasileira de Instituições de Previdência Estaduais e Municipais) para o mandato do biênio 2014 a 2016.
A eleição aconteceu no 26º Seminário Nacional de Previdência Social, realizado na cidade de João Pessoa (PB), em maio e a posse se deu em setembro e foi oficializada na noite de quinta-feira, 16, em um jantar no Indaiatuba Clube.  Para o superintendente do Seprev, a responsabilidade de assumir a presidência desta entidade, que existe desde 1980, é muito grande. “Vou dividir essa responsabilidade com os demais membros da diretoria executiva e conselheiros para darmos continuidade aos trabalhos que vêm sendo executados”, salienta Corrêa.
Na sexta-feira, 17, diretoria e conselheiros se reuniram em Indaiatuba para elaborar o planejamento de trabalho para este biênio, que terá como prioridade a atenção voltada aos Regimes Próprios de Previdência Social (RPPS). “Programaremos cursos, palestras e ações voltadas aos gestores, que são os dirigentes e conselheiros, dando-lhes oportunidades para capacitação e governança, o que podemos chamar de Educação Previdenciária”, complementa.
A Abipem é uma entidade civil de direito privado de âmbito nacional e sem fins lucrativos. Como representante das instituições de previdência e assistência dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, tem por objetivo congregar as instituições que dela participam através de um constante processo de aprimoramento de seu conhecimento técnico-administrativo, de atividades de intercâmbio, da realização de congressos nacionais e encontros regionais, discutindo e difundindo os princípios da doutrina previdenciária e assistencial. Saiba mais sobre a Abipem acessando o endereço www.abipem.org.br.

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Tiago César expõe “Causando Impressões” no Ateliê Lisa França, em Campinas

Foto: divulgação.
O mar, os barcos, o abstrato são alguns dos fortes motivos destacados no conjunto de 12 telas do artista Tiago César que irão compor a mostra Causando Impressões, no Ateliê Lisa França, localizado no distrito de Sousas, em Campinas. O vernissage acontece no dia 9 de novembro (domingo), às 10h, com uma conversa aberta do artista com o público.
Em seus trabalhos, feitos sobre tela, com tinta a óleo e acrílica, Tiago apresenta temas abstratos e relacionados às suas vivências, como o futebol e o tênis e dedica especial atenção à sua maior paixão: o mar. “Em meus quadros posso deixar vazar minhas emoções para me comunicar”, afirma.
Em Campinas, onde mora há dois anos, Tiago expõe, aos domingos, na Feira de Artesanato do Centro de Convivência.
O artista nasceu em Vitória, no Espírito Santo, ao lado do mar, de onde veio sua inspiração para pinturas sobre barcos, pescadores e praia. Começou a desenhar ao ingressar no curso de Arquitetura em Porto Alegre nos idos dos anos 1990, quando ainda tinha 19 anos.
Em Minas Gerais cursou Educação Física, mas jamais deixou as artes plásticas, tendo frequentado o Ateliê de Arte de Minas e exposto seus quadros na praça da Savassi ao lado de outros artistas mineiros.
Realizou uma mostra na Casa do Lago da Unicamp em julho de 2013, no Restaurante Piola, em fevereiro de 2014 e no Centro de Convenções da Unicamp durante a 7th World Recreational Fishing Conference. E é um dos artistas do livro Artes em Destaque, lançado no dia 3 de outubro no Círculo Militar de Campinas.

Serviço
Exposição Individual Causando Impressões, de Tiago César
Local: Ateliê Lisa França - Rua Monsenhor Dr. Emílio José Salim, 118, Sousas, Campinas Telefone (19) 3258-1474
Abertura: 9 de novembro, às 10h
Aberta à visitação de 10 a 30/11
Funcionamento: 2ª a 6ª das 14h às 18h ou com agendamento (lisafranca@lisafranca.com.br ou 3258-1474) - o ateliê fica aberto todo primeiro domingo do mês
Entrada gratuita.

Polo Shopping recebe o espetáculo teatral “Novos Saltimbancos”

Foto: divulgação.
O Polo Shopping Indaiatuba traz para Indaiatuba e região os Novos Saltimbancos. A peça será encenada no próximo dia 26 de outubro, na praça de eventos do shopping, em três diferentes horários: 14h, 16h, 18h.
O espetáculo, baseado no musical Os Saltimbancos, conta a história de um grupo de artistas de rua que se encontra por acaso em uma praça e acaba formando uma trupe que alcança todas as artes cênicas (dança, circo, teatro, bonecos, palhaços).
A apresentação faz parte do projeto Novos Saltimbancos, que é realizado pela 3S Projetos, com recursos incentivados pelo ProAC (Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo) e  patrocínio da Freudenberg-NOK Componentes Brasil, indústria de Diadema que zela pelo apoio à cultura e inclusão do jovem na sociedade através de projetos culturais.

SESI Campinas apresenta ‘O Mundo Encantado Buarque de Hollanda’

Crédito da foto: Cristina Granato.
O SESI Campinas Amoreiras apresenta o show O Mundo Encantado Buarque de Hollanda, de Anna Markun, no dia 23 de outubro, quinta, às 20h.
Em homenagem aos 70 anos de idade e 50 de carreira de Chico Buarque, o repertório inclui várias fases do compositor em uma apresentação com linguagem clara e objetiva da artista e integrantes da banda, voltada para toda a família, crianças e adultos.
O show traz A Banda, de 1966; João e Maria, de 1977; Tanto Mar, nas versões de 1975 e de 1978; Piruetas, de 1981 e Boi Voador não Pode, de 1972, entre outras.

Ficha Técnica
Voz: Anna Markun | Bateria: Bruno Fochi | Violão: Renato Frazão | Teclado: Ricardo Rito | Contrabaixo: Rafael Papel

Serviço
SESI Música Popular – O mundo encantado Buarque de Hollanda, com Anna Markun
Local: Teatro do SESI Campinas Amoreiras - Av. das Amoreiras, 450, Pq. Itália, Campinas
Data e horário: 23 de outubro, quinta, às 15h e às 20h
Duração: 60 min
Capacidade: 366 lugares e 8 para cadeirantes
Classificação indicativa: livre
Gênero: música popular
Informações: (19) 3772-4100
Entrada gratuita – os ingressos serão distribuídos na semana do espetáculo na Secretária Única do SESI Campinas Amoreiras às quartas e quintas, das 8h às 20h e às sextas e sábados das 8h às 16h.
No dia do espetáculo, duas horas antes da sessão, os ingressos restantes serão distribuídos na entrada do teatro, sem a possibilidade de escolha de lugar.

Produtora busca verba via Catarse para curta-metragem sobre a falta d’água

Foto: divulgação.
Está cada vez mais difícil conviver com a falta de água no interior paulista e, para ilustrar um futuro não tão distante sobre o tema, a Guará Filmes produziu , O Fugitivo. O curta-metragem pretende conscientizar e alertar os espectadores sobre a gravidade do problema de maneira explícita e contundente. A obra choca o espectador ao abordar de forma ácida e crítica a iminente crise ambiental. A narrativa é construída traçando um paralelo entre uma rede criminosa e o recurso natural.
Por se tratar de um projeto independente, a produtora procurou o Catarse, site de financiamento coletivo, em que pessoas podem contribuir com qualquer quantidade. Doações acima de R$50,00 ganham recompensas oferecidas pela produção do curta e podem estar inclusos créditos, cartaz digital, cópia digital do filme – que contém a obra completa, making of e depoimentos dos produtores e atores – camiseta, DVD ou BlueRay. Todos estes prêmios serão entregues gratuitamente para todo o Brasil. Para apoiar, basta entrar no site e contribuir com o valor desejado: www.catarse.me/pt/fugitivo.
A produtora de vídeos Guará Filmes está instalada em Itu, que sofre com a falta d’água desde fevereiro de 2014. A cidade vem enfrentando severos racionamentos e passa por uma de suas piores crises.
A equipe é formada por artistas e técnicos de Itu e região: O Fugitivo conta com a participação dos atores Rodrigo Stoppa (Salto), Alessandro Franco (Itu), Alessandre Pi (Itu) e Rodrigo Lunardelli (Itu). Além deles, fazem parte da equipe Chicó Ferreira (Salto), Mariana Mendes (Sorocaba), Melissa Vassali (Cabreúva), André Almeida (Itu), Rafael Tavernari (Itu), Jéssica Tavernari (Itu), Leandro Mendes (Itu) e Felipe Camargo (Itu).

O filme
O Fugitivo (https://www.facebook.com/CurtaOFugitivo?fref=ts) é um curta metragem que fala de um “traficante de água” que se tornou a esperança de um povo por ser o único a saber onde está a última fonte de água potável. Ele é perseguido, capturado e torturado por capangas de um figurão que quer ter o controle sobre esse bem natural que, por não ter sido usado com sabedoria, está acabando.

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Imagem da semana


Poética

"De manhã escureço
De dia tardo
De tarde anoiteço
De noite ardo.

A oeste a morte
Contra quem vivo
Do sul cativo
O este é meu norte.

Outros que contem
Passo por passo:
Eu morro ontem

Nasço amanhã
Ando onde há espaço:
– Meu tempo é quando."

Vinicius de Moraes

Leis de incentivo para cultura e esporte são tema de palestra em Campinas e Indaiatuba

Foto: divulgação.
O produtor cultural Antoine Kolokathis realiza palestra na Associação das Empresas de Serviços Contábeis de Indaiatuba (Aesci) na terça-feira, 21 e no Sindicato dos Contabilistas de Campinas no dia 28 de outubro. As palestras, que têm como tema Leis de incentivo na prática da responsabilidade social corporativa: o que são e como aplicá-las?, vai esclarecer dúvidas sobre o direcionamento de impostos para as leis de incentivo fiscal. Os eventos são uma iniciativa do Sindicato, da Aesci e do Sindivarejista em parceria com a Direção Cultura.
As leis de incentivo fiscal, como a Lei Rouanet, ProAC/ICMS-SP, Lei do Esporte e PIE/ICMS-SP, são benefícios concedidos aos contribuintes que optarem por destinar quantias devidas a título de impostos para iniciativas culturais e esportivas. Além de esclarecimentos sobre o funcionamento das leis, o evento vai abordar ainda os processos de seleção dos projetos e os benefícios desse incentivo para os contribuintes.   

Sobre o palestrante Antoine Kolokathis
Iniciou suas atividades como produtor cultural em 1990, em Campinas. Responsável pela criação de várias séries musicais na cidade, foi presidente da Associação Brasileira Carlos Gomes de Artistas Líricos (ABAL), com a qual recebeu em 1996 a Medalha Carlos Gomes, da Câmara Municipal de Campinas. Em 1997, recebeu o diploma Parceiro da Cultura, da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, pela produção da ópera As Bodas de Fígaro, de Mozart. Em 1999, fundou a empresa Direção Cultura Produções, que desde então atua em diversas áreas atendendo a artistas, ONGs, empresas e instituições culturais. Em 2005 criou o selo independente Kalamata, especializado em música instrumental brasileira. Desde 2009 é membro da ISPA (International Society for the Performing Arts), entidade que congrega produtores, diretores e agentes de 40 países. Em 2010 criou a empresa Kalithéa Produções, com sede em São Paulo.

Conteúdo Programático
Leis de Incentivo Fiscal:
-Lei Rouanet
-ProAC/ICMS-SP
-Lei do Esporte
-PIE/ICMS-SP
-Lei do Audiovisual
-Fmdca/Funcap

Serviço
Palestra: Leis de incentivo na prática da responsabilidade social corporativa: o que são e como aplicá-las?, com Antoine Kolokathis
Vagas: 200
Carga horária: 2 horas

Indaiatuba
Data: 21 de outubro
Horário: 18h30 até as 21h30
Local: Aesci - Associação das Empresas de Serviços Contábeis de Indaiatuba - Av. Engenheiro Fábio Roberto Barnabé, 675 - Vila Teller - (Parque Ecológico)
Mais informações: (19) 3894-1046

Campinas
Data: 28/10/2014
Horário: das 19h às 21h
Local: Sindicato dos Contabilistas de Campinas - Rua Araguaçu, 111 – Taquaral
Mais informações: (19) 3251-8366.

Longa de animação “Café, um dedo de prosa” tem pré-estreia em Itu no dia 25

Será em Itu, no dia 25 de outubro, a pré-estreia do longa-metragem de animação Café, um dedo de prosa, do diretor Maurício Squarisi. O filme conta a história de uma das bebidas mais famosas do nosso país, o café, descoberto na África, em 575. A exibição acontece às 19h30, no Auditório da Secretaria de Educação de Itu, com a presença de Vera Holtz e Wandi Doratiotto, que  participam do filme. Wandi, que também é músico, foi o autor, junto com Danilo Moraes, das 11 canções criadas especialmente para o filme.
Dois amigos se encontram em uma cafeteria e, apaixonados pela bebida, conversam sobre sua história, de modo descontraído e envolvente. São muito presentes as referências ao interior do estado de São Paulo, região na qual o cultivo do grão proporcionou grande desenvolvimento econômico, político e cultural. A escolha dos atores acompanhou estas referências: Vera Holtz e Wandi Doratiotto têm um sotaque paulista natural, embora diferentes, já que Wandi é um típico paulistano e Vera traz a essência caipira do interior, mais especificadamente de Tatuí.
O projeto é desenvolvido pelo diretor cinematográfico Maurício Squarisi, que tem grande experiência na área de produção, direção e animação e também estará presente na pré-estreia. Foram cinco anos de trabalho para que a produção fosse finalizada.
“Há vários anos venho estudando a história do café e testando várias formas de contá-la em linguagem cinematográfica. Em 2009 encontrei o livro História do Café, de Ana Luiza Martins. Sua linguagem e compilação me pareceram muito adequadas para o filme. Li várias vezes, rabisquei, resumi e fiz alguns tratamentos de roteiro. Em seguida desenvolvi um story-board e procurei a autora convidando-a para ser assessora histórica do projeto. Montei uma equipe de parceiros, com Wilson Lazaretti, Janice Castro, Beth Russo, Eliana Ribeiro, Anselmo Carvalho e outros profissionais, e formatamos o projeto, que foi aprovado através do ProAC em 2012”, explica o diretor.
Maurício já tem uma grande carreira de sucesso no mundo da animação. Ao lado de Wilson Lazaretti, é fundador do Núcleo de Cinema de Animação de Campinas. Ministra oficinas de animação em escolas e tem em seu currículo dezesseis filmes realizados como diretor, além de participação em dezenas de outros trabalhos como produtor, animador e colaborador.
O filme de animação Café – um Dedo de Prosa foi viabilizado através de Lei de Incentivo Fiscal (lei do ProAC –
 ICMS – SP). O evento de lançamento tem produção executiva da D’color Produções Culturais, com patrocínio da SAPA, líder global em soluções de alumínio extrudado.
A primeira exibição, no dia 25/10, tem entrada franca, mas é preciso imprimir antecipadamente um vale-ingresso no site www.dcolor.com.br/ingressos.

Patrocinadores
SAPA
Em outubro de 2012, as empresas Hydro e Orkla uniram suas empresas de extrusão de alumínio para criar a SAPA, líder global em soluções de alumínio extrudado. A empresa atende o mercado brasileiro com extrudados de alumínio para uma variedade de aplicações, principalmente nos segmentos de construção civil e transportes. Em Itu, mantém fábrica desde 1997.

Tuberfil
A Tuberfil é hoje um dos principais fabricantes de tubos de aço com costura do país. Sua história remonta a 1966, época em que atuava como uma revenda de tubos de aço, em São Caetano do Sul. Em 1988, passou a produzir seus próprios tubos, iniciando atividade industrial em Indaiatuba. Atualmente a empresa possui três unidades, sendo duas em Indaiatuba e uma em Salto. A Tuberfil atua em diversos segmentos de mercado, como autopeças, moveleiro, usinagem, usinas sucroalcooleiras e estrutural, entre outros.

Grupo Simeira
A formação do grupo começou na década de 60 com a compra de um posto de gasolina em Itu e um pequeno caminhão-tanque para buscar transportar os combustíveis, minimizando custos operacionais. Nascia assim a Simecar, célula-mãe do Grupo Simeira. Hoje, o grupo conta com diversas unidades empresariais. Itupetro e Coesa atuam como Transportador e Revendedor Retalhista (TRR), na distribuição de óleos para consumidores finais, instalação de tanques de armazenagem e bombas em regime de comodato. A Simeira Logística é a empresa do grupo que atua no transporte de derivados de petróleo e químicos e a Simeira Seguros tem atuação no segmento de corretagem, de diversas modalidades.

A D´color Produções Culturais
Responsável pela captação de recursos para a realização do filme Café - um Dedo de Prosa, a D’color é uma produtora de eventos culturais de Campinas que assessora, planeja e executa projetos culturais para o desenvolvimento social, em parceria com instituições, produtoras e artistas dos mais diversos segmentos através de leis de incentivo e há mais de cinco anos já produziu dezenas de espetáculos de música e artes cênicas.  

Serviço
Pré-estreia: Café, um dedo de prosa
Dia 25/10 às 19h30
Local: Auditório Secretaria de Educação – Avenida Itu 400 Anos, 111 - Bairro Itu Novo Centro – Itu/SP
Inicio da Exibição: 19h30
Entrada gratuita. É necessário imprimir antecipadamente o vale-ingresso no site www.dcolor.art.br/ingressos.
Os vale-ingressos devem ser trocados pelo ingresso na entrada do Auditório, no dia do evento, a partir das 18h. Os ingressos que não forem trocados até às 19h15 serão invalidados e disponibilizados ao público em geral.

Cmdca promove palestra "Educadores de Alta Performance”

O Cmdca (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente), órgão ligado à Secretaria da Família e do Bem Estar Social, promove dia 24 de outubro, às 19h, no Plenário Joab José Pucinelli na Câmara Municipal, a palestra Educadores de Alta Perfomance, com a psicóloga Adriana Albuquerque, direcionada a educadores, monitores, supervisores e diretores da educação, conselheiros tutelares e de direitos, mães, pais e toda sociedade envolvida com crianças e adolescentes.
A inscrição pode ser feita através do telefone (19) 3885-7700 ramal 7753 ou pelo e-mail cmdca2.cmi@terra.com.br até às 16h do dia 20 de outubro. As vagas são limitadas e os interessados devem doar dois quilos de alimentos não perecíveis. Não haverá certificação.
Adriana Albuquerque possui MBA em Gestão de Pessoas, especialização na área de RH/Psicometria pela UnB/Universidade de Brasília, é graduada em Psicologia pela UFC/Universidade Federal do Ceará e coach com Certificação Internacional pela SBC - Sociedade Brasileira de Coaching / licenciada pelo BCI - Behavioral Coaching Institute e pelo ICC - Internacional Coaching Council e Formação em Líder Coaching pelo Coaching Club. Também é membro da cadeira 31 da Academia de Letras do Brasil - ALB/DF, tem formação pelo Dale Carnegie Training - Líder Mundial em Treinamentos Empresariais, especialização pela Universidade Holística de Brasília – Unipaz e é professora de pós-graduação, MBA e cursos de extensão em Gestão de Pessoas, Gestão Empresarial e Gestão de Projetos. É autora e coautora de livros sobre realização profissional e excelência pessoal, consultora de projetos empresariais no setor público e privado, empresária e diretora da in9 Soluções em T&D - Treinamento & Desenvolvimento e Consultoria Organizacional. Adriana é também instrutora e palestrante do Sebrae, Senai, Senac, Fibra e IEL, facilitadora e Palestrante da EGEP – Escola de Gestão do GDF/SGA e Consultora Organizacional.

Sexteto Carlos Gomes se apresenta quinta na Casa do Lago

Foto: divulgação. Fonte: Prefeitura de Jundiaí.
Com releituras criativas de obras de Tom Jobim, Dizzy Gillespie, Ary Barroso, maestro Duda, entre outros mestres da composição, o Sexteto Carlos Gomes faz apresentação única em Campinas, no próximo dia 23, quinta-feira, às 19h, na Casa do Lago (Unicamp), com entrada gratuita.
Criado em novembro de 2010, o grupo é formado por Samuel de Almeida Proença e Emerson de Almeida Castro (trompetes) Marco Antônio de Almeida Júnior (barítono horn), Rafael Mendes (trombone/eufônio), Fransoel Decarli (trombone baixo) e Renato de Souza (bateria e percussão). Embora tenha uma formação clássica de quinteto de metais, o conjunto substituiu a trompa e a tuba pelo eufônio e trombone-baixo, respectivamente e acrescentou a bateria para destacar a interpretação do repertório brasileiro. Os integrantes do Sexteto Carlos Gomes são integrantes das melhores orquestras e bandas do interior do estado de São Paulo, como a Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas, a Orquestra Sinfônica da Unicamp, a Banda Sinfônica Municipal de Nova Odessa e a Orquestra de Sopros de Tatuí.
Em 2012 o Sexteto participou do Projeto do SESI, com apresentações em várias cidades do interior paulista.

Os integrantes
Samuel de Almeida Proença (trompete) iniciou seus estudos musicais com o violoncelo, no Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos” de Tatuí (São Paulo), posteriormente mudou para o trompete. Frequentou a Escola de Música e Belas Artes do Paraná, em Curitiba, completando seu trabalho de Bacharel em Música, com ênfase em trompete.
Estudou com o renomado trompetista Fred Mills (fundador do Canadian Brass), na UGA, University of Georgia, nos Estados Unidos, aonde completou seu Mestrado em Música, com ênfase em trompete. Atualmente é músico da Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas e da Orquestra Sinfônica da Unicamp.

Emerson de Almeida Castro (trompete) é formado em trompete erudito no Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos”, de Tatuí (São Paulo). Iniciou seus estudos de trompete na Banda Sinfônica Municipal de Nova Odessa, em 1994. Participou de masterclass, dentre elas as ministradas por Fred Mills (trompetista e fundador do renomado quinteto de metais Canadian Brass) e Charles Schlueter (ex-principal trompete da Boston Symphony Orchestra). 
Atualmente é músico da Banda Sinfônica Municipal de Nova Odessa e da Banda Sinfônica Municipal de Sumaré.

Marco Antônio de Almeida Júnior (barítono horn), nascido em Americana (SP), é bacharel em Eufônio (bombardino) pela Faculdade Mozarteum de São Paulo. Iniciou seus estudos de eufônio aos 10 anos de idade, tocando na igreja com seu pai. Aos 11 anos ingressou na Escola de Música Heitor Villa-Lobos, em Americana. Com 13 anos passou a ter aulas no Projeto Unibanda da Unicamp. Atualmente é músico na Orquestra de Sopros de Tatuí (chefe de naipe), na Banda Sinfônica Municipal de Sumaré, na Banda Sinfônica Municipal de Americana, no Quarteto Eufonismo e no Sexteto Carlos Gomes.

Rafael Mendes (trombone/Eufônio). Nascido na cidade de Nova Odessa, começou seus estudos musicais na Igreja Assembleia de Deus da referida cidade. Teve como professores, Rogério Souza Lima, Divair Moreira, Edmilson Durães e Wilson Dias. Foi vencedor do concurso nacional “Prelúdio” transmitido ao vivo pela TV Cultura, em 2008. Foi 3º colocado na 5ª edição do Prêmio Weril, finalista do concurso nacional Furnas Geração Musical, em 2006. Foi Semifinalista da International Tuba and Euphonium Competition (principal no mundo ), realizada em 2012, em Linz – Áustria. Atualmente é músico da Banda Sinfônica do Estado de São Paulo, professor de Metais na Comunidade Suíça “Helvetia” de Indaiatuba e artista e Besson/Buffet Crampon.

Fransoel Decarli (trombone-baixo) iniciou seus estudos em trombone e teoria musical com o professor Edison Penteado na Banda Marcial do Colégio São Carlos.   Graduou-se bacharel em Trombone em 2007 pela Unicamp, orientado pelo professor Robson de Nadai (principal trombone da Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas). Participou de grupos como Orquestra Sinfônica Jovem da Unicamp, Orquestra Sinfônica Jovem de Atibaia, e da Orquestra de Metais da Unicamp. Atualmente é músico da Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas, do grupo Metallumfonia, do Quarteto Trombonaria e do Sexteto Carlos Gomes.

Renato de Souza (bateria e percussão). Natural de Nova Odessa iniciou seus estudos musicais em 1991 com o professor Pedro César Zoppi, em Americana (SP). É licenciado em música pela Faculdade Unimep de Piracicaba (SP).   Também foi aluno de bateria e percussão erudita no Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos” de Tatuí. Teve aulas com professores renomados no cenário nacional e internacional, entre eles, Jayme Pladevall, Magno Bissoli, Ramon Montagner, Luis Marcos Caldana, Cleber Almeida, Lilian Carmona, Edu Ribeiro, Edson Quesada e Kiko Freitas. Atualmente é músico da Banda Sinfônica Municipal de Nova Odessa, da Banda Sinfônica Municipal de Sumaré, e do Sexteto Carlos Gomes.

Programa
- Fanfare "La Peri" - Paul Dukas
Arranjo de Wayne Barrington

- Amazing Grace
Arranjo de Luther Henderson

- Kansas City Blues
Arranjo de Rand Skelton

-Fly to the Moon - Bart Howard
Arranjo de Jack Gale

- A Night in Tunisia - Dizzy Gillespie
Arranjo de Thomas Huber

- Jive for Five - Paul Nagle

- Medley Tom Jobim: Dindi - Chega de Saudades - Samba de Uma Nota Só - Wave
Arranjo de Jonatas de Santana

- Temas Nordestinos - Duda
Suite (Bruno-Melissa-Rafael)

- Aquarela do Brasil - Ary Barroso
Arranjo de Duda.

Serviço
Sexteto Carlos Gomes
Quando: 23 de outubro (quinta-feira)
Horário: 19h
Onde: Casa do Lago (Unicamp)
Entrada gratuita.

Prefeitura promove ‘Chorinho na Praça’ no dia 26 de outubro

Foto: divulgação.
O Departamento Municipal de Turismo, vinculado à Secretaria de Desenvolvimento, realiza no domingo (26), às 18h, no Coreto da Praça Prudente de Moraes, o evento Chorinho na Praça, com o grupo Amantes do Choro. O objetivo é resgatar os bons costumes de antigamente, como ouvir chorinho. A participação é gratuita.
O Choro ou, como é mais conhecido, Chorinho, é um estilo musical próprio da esfera urbana no Brasil. É um ritmo instrumental produzido no âmago das classes populares, que remonta a aproximadamente 130 anos. Os músicos que executam este gênero foram batizados de chorões, enquanto os grupos musicais são intitulados regionais.
Os grupos eram normalmente constituídos por chorões que gravitavam em volta de um trio composto por flauta, responsável pelos solos; violão, que adotava o desempenho de um contrabaixo, sendo assim conhecido como ‘baixaria’ e cavaquinho, que criava a harmonia musical através do equilíbrio entre os acordes e os ornatos do trecho, que preservavam o tema principal. O pandeiro também era manipulado para marcar os aspectos rítmicos.
Atualmente, músicos como Paulinho da Viola, Paulo Moura e Turíbio Santos e grupos da estirpe de Época de Ouro e Premeditando o Breque, entre outros, preservam o chorinho, renovando constantemente este estilo musical.

Coquetel de lançamento 6ª Casa Cor Campinas

Adriane Salomão Sanna, presidente da Casa Cor Campinas e Flávio Sanna, presidente do Grupo Casa Cor Interior SP, que contemplam as mostras Campinas, Interior SP e Litoral SP, recebem convidados para coquetel de lançamento da 6ª Casa Cor Campinas hoje, 20 de outubro, no imponente Palácio do Bispo, prédio que sediará a mostra.
A mostra de arquitetura, decoração e paisagismo anuncia a participação de 57 profissionais da Região Metropolitana de Campinas, que assinam 37 ambientes inovadores. Outra novidade é que, após a realização do evento, a organização da Casa Cor Campinas entregará o prédio à Cúria da Igreja Católica para que ele possa ser transformado no Museu Arquidiocesano de Arte Sacra de Campinas, permitindo, assim, a realização de um antigo projeto da arquidiocese campineira.
A Casa Cor Campinas acontece de 22 de outubro a 7 de dezembro no Palácio do Bispo, localizado na Nova Campinas. Entre as novidades mais aguardadas, está a inauguração do Empório Vaticano, novo reduto da gastronomia na cidade.

Serviço
Período: de 22 de outubro a 7 de dezembro
Horário de funcionamento:
Terça a Sexta: das 16h às 21h30
Sábado, domingo e feriados: das 13h às 22h
Special Sale: 5, 6 e 7 de dezembro
Local: Palácio do Bispo
Endereço: na Av. Jesuíno Marcondes Machado, 799
Ingressos: R$38,00 (inteira) / R$19,00 (meia)
Mais informações:
www.facebook.com/casacorcampinas.

APAE lança amanhã 15ª Feira da Bondade

A diretoria da APAE Indaiatuba lança amanhã no Fran's Café a edição 2014 da Feira da Bondade, que acontecerá de 6 a 9 de novembro no Pavilhão da Viber.